Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Saúde
Por falta de cuidados Balneário Camboriú e Itajaí acumulam 17 mortes em 7 dias

Quantidade de casos da doença continua aumentando e ameaça o setor do turismo

Terça, 24/11/2020 6:50.
PM Potim

Publicidade

A pandemia de covid-19 fez 11 vítimas fatais em Balneário Camboriú em uma semana e outras seis em Itajaí, como consequência do comportamento de parte da população que não toma os cuidados recomendados pela ciência.

Balneário Camboriú tinha, ao anoitecer desta segunda-feira, 23, um total de 1.072 doentes ativos, crescimento de 34% em uma semana.

Em Itajaí, o aumento de casos ativos no mesmo período atingiu 60% e os médicos já sabem, pela experiência adquirida desde março, quando iniciou a pandemia, que a consequência será a elevação da quantidade de mortes.

Se Balneário Camboriú não colocar um freio, com parcela da população mudando seu comportamento, a consequência provável é a retração dos turistas que buscarão cidades mais seguras para suas férias.

Já há guias de viagem na internet classificando destinos turísticos pelo risco que oferecem em relação à covid-19.

Em final de outubro, a Santur divulgou pesquisa apontando que “entre os motivos de insegurança para viajar, na visão dos entrevistados, o risco de contágio é o maior deles, com 41,5%, fator que também afeta o planejamento de viagem. A possibilidade de adiamento por conta do aumento de casos da Covid-19 foi o segundo motivo mais citado, com 25,8%”.

Balneário Camboriú é lider em casos por habitante entre as maiores cidades do Estado e está na quarta posição em mortes por habitante o que representa um risco real de afastar turistas, devido a comportamentos irresponsáveis.

Mortes por habitante


Casos/habitante

Evolução em Balneário e Itajaí


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
PM Potim

Por falta de cuidados Balneário Camboriú e Itajaí acumulam 17 mortes em 7 dias

Quantidade de casos da doença continua aumentando e ameaça o setor do turismo

Publicidade

Terça, 24/11/2020 6:50.

A pandemia de covid-19 fez 11 vítimas fatais em Balneário Camboriú em uma semana e outras seis em Itajaí, como consequência do comportamento de parte da população que não toma os cuidados recomendados pela ciência.

Balneário Camboriú tinha, ao anoitecer desta segunda-feira, 23, um total de 1.072 doentes ativos, crescimento de 34% em uma semana.

Em Itajaí, o aumento de casos ativos no mesmo período atingiu 60% e os médicos já sabem, pela experiência adquirida desde março, quando iniciou a pandemia, que a consequência será a elevação da quantidade de mortes.

Se Balneário Camboriú não colocar um freio, com parcela da população mudando seu comportamento, a consequência provável é a retração dos turistas que buscarão cidades mais seguras para suas férias.

Já há guias de viagem na internet classificando destinos turísticos pelo risco que oferecem em relação à covid-19.

Em final de outubro, a Santur divulgou pesquisa apontando que “entre os motivos de insegurança para viajar, na visão dos entrevistados, o risco de contágio é o maior deles, com 41,5%, fator que também afeta o planejamento de viagem. A possibilidade de adiamento por conta do aumento de casos da Covid-19 foi o segundo motivo mais citado, com 25,8%”.

Balneário Camboriú é lider em casos por habitante entre as maiores cidades do Estado e está na quarta posição em mortes por habitante o que representa um risco real de afastar turistas, devido a comportamentos irresponsáveis.

Mortes por habitante


Casos/habitante

Evolução em Balneário e Itajaí


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade