Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Saúde
Há 3 dias Coronavírus parece perder força em Santa Catarina

População deve reforçar o isolamento social, a principal medida contra a doença

Terça, 24/3/2020 7:30.
Waldemar Cezar Neto

Publicidade

Nas últimas 72 horas a quantidade de novos casos confirmados em Santa Catarina vem diminuindo o ritmo, o que parece indicar que as medidas de contenção da doença estão dando resultados.

A contagem de casos confirmados a cada dia não é uma medida totalmente confiável, pois depende do ritmo de trabalho dos laboratórios, mas pode indicar que a doença aparentemente não está fora de controle.

Em Balneário Camboriú, uma das primeiras cidades brasileiras e adotar medidas drásticas contra o coronavírus, a doença estabilizou em seis casos até o momento (eram 7, mas um foi contabilizado para Itajaí) e desses apenas quatro são moradores locais.

Balneário Camboriú deve emitir um novo boletim próximo ao meio dia e o do governador será às 18h.

SP E RJ

Em São Paulo, epicentro da doença no país, as medidas de contenção começaram nesta terça-feira (24), depois de registrados 745 casos confirmados e 30 mortes.

São chocantes as cenas mostradas por emissoras de televisão de pessoas amontoadas em trens e ônibus em São Paulo e Rio de Janeiro.

Na capital carioca, onde a quarentena também começa hoje, em favelas com população maior do que a de Camboriú, pessoas vivem em casas coladas umas às outras e muitas famílias não dispõem sequer de sabonete para limpar as mãos.

É nesse cenário que as autoridades sanitárias prevêem um pico de crescimento de casos da doença, o que reforça o acerto das medidas tomadas antecipadamente pelos catarinenses.

IMPORTANTE

Ontem o governo do Estado atualizou sua cartilha sobre o coronavírus, um material esclarecedor que pode ser acessado neste link.

EVOLUÇÃO EM SANTA CATARINA


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Waldemar Cezar Neto

Há 3 dias Coronavírus parece perder força em Santa Catarina

População deve reforçar o isolamento social, a principal medida contra a doença

Publicidade

Terça, 24/3/2020 7:30.

Nas últimas 72 horas a quantidade de novos casos confirmados em Santa Catarina vem diminuindo o ritmo, o que parece indicar que as medidas de contenção da doença estão dando resultados.

A contagem de casos confirmados a cada dia não é uma medida totalmente confiável, pois depende do ritmo de trabalho dos laboratórios, mas pode indicar que a doença aparentemente não está fora de controle.

Em Balneário Camboriú, uma das primeiras cidades brasileiras e adotar medidas drásticas contra o coronavírus, a doença estabilizou em seis casos até o momento (eram 7, mas um foi contabilizado para Itajaí) e desses apenas quatro são moradores locais.

Balneário Camboriú deve emitir um novo boletim próximo ao meio dia e o do governador será às 18h.

SP E RJ

Em São Paulo, epicentro da doença no país, as medidas de contenção começaram nesta terça-feira (24), depois de registrados 745 casos confirmados e 30 mortes.

São chocantes as cenas mostradas por emissoras de televisão de pessoas amontoadas em trens e ônibus em São Paulo e Rio de Janeiro.

Na capital carioca, onde a quarentena também começa hoje, em favelas com população maior do que a de Camboriú, pessoas vivem em casas coladas umas às outras e muitas famílias não dispõem sequer de sabonete para limpar as mãos.

É nesse cenário que as autoridades sanitárias prevêem um pico de crescimento de casos da doença, o que reforça o acerto das medidas tomadas antecipadamente pelos catarinenses.

IMPORTANTE

Ontem o governo do Estado atualizou sua cartilha sobre o coronavírus, um material esclarecedor que pode ser acessado neste link.

EVOLUÇÃO EM SANTA CATARINA


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade