Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Saúde
São 207 casos suspeitos de coronavírus no País, 2 dos quais em Balneário Camboriú

Apesar de 2º caso de coronavírus, Saúde diz que vírus não circula pelo País

Domingo, 1/3/2020 5:34.

Publicidade

O Ministério da Saúde atualizou a base de dados com informações sobre o número de casos suspeitos e confirmados do novo coronavírus em todo o País. Depois da confirmação do segundo caso com a doença em São Paulo, a Plataforma Integrada de Vigilância em Saúde foi atualizada e agora o País tem 207 casos suspeitos, dois confirmados e 79 descartados. São Paulo é o Estado com maior número de suspeitos, 91, além dos 2 casos confirmados.

Mais cedo, o ministério havia informado que só atualizaria a base de dados neste domingo (1º). No entanto, a plataforma já tem novos números contabilizados. Até sexta, eram 182 casos suspeitos e apenas um confirmado.

Desses casos suspeitos, 9 são em Santa Catarina e 2 em Balneário Camboriú, onde o resultado dos exames deve ser conhecido na segunda-feira.

Apesar de 2º caso de coronavírus, Saúde diz que vírus não circula pelo País

A confirmação do segundo caso importado do novo coronavírus em São Paulo não muda o cenário nacional, segundo o Ministério da Saúde. "Não há mudança da situação nacional, pois não existem evidências de circulação sustentada do vírus em território brasileiro", afirma a Pasta em nota divulgada neste sábado.

O segundo caso confirmado de coronavírus no Brasil é de um paciente homem, de 32 anos, residente em São Paulo, que chegou da Itália no dia 27 de fevereiro, de voo procedente de Milão, na região da Lombardia (norte do país), quando também iniciou os sintomas. Ele foi atendido no Hospital Albert Einstein na sexta-feira, 28.

Para a confirmação do novo caso, o ministério considerou final os testes realizados pelo Hospital Israelita Albert Einstein (HIAE), o exame específico para SARS-CoV2 (RT-PCR, pelo protocolo Charité), conforme preconizado pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Segundo informações repassadas pela Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo ao ministério, durante o voo, o homem usou máscara e, no atendimento, foram relatados febre, tosse, dor de garganta, mialgia (dor muscular) e dor de cabeça. O paciente recebeu orientação de isolamento domiciliar pois o quadro clínico é leve e estável. Ele estava acompanhado no voo da esposa, seu único contato domiciliar, que está assintomática. "Ambos estão isolamento domiciliar e monitoramento diário pela Secretaria Municipal de São Paulo", afirma a nota do ministério.

Ainda de acordo com informações da Saúde, está em curso por meio das secretarias estadual e municipal, juntamente com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a investigação de contatos próximos durante o voo e outros locais.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3

São 207 casos suspeitos de coronavírus no País, 2 dos quais em Balneário Camboriú

Apesar de 2º caso de coronavírus, Saúde diz que vírus não circula pelo País

Publicidade

Domingo, 1/3/2020 5:34.

O Ministério da Saúde atualizou a base de dados com informações sobre o número de casos suspeitos e confirmados do novo coronavírus em todo o País. Depois da confirmação do segundo caso com a doença em São Paulo, a Plataforma Integrada de Vigilância em Saúde foi atualizada e agora o País tem 207 casos suspeitos, dois confirmados e 79 descartados. São Paulo é o Estado com maior número de suspeitos, 91, além dos 2 casos confirmados.

Mais cedo, o ministério havia informado que só atualizaria a base de dados neste domingo (1º). No entanto, a plataforma já tem novos números contabilizados. Até sexta, eram 182 casos suspeitos e apenas um confirmado.

Desses casos suspeitos, 9 são em Santa Catarina e 2 em Balneário Camboriú, onde o resultado dos exames deve ser conhecido na segunda-feira.

Apesar de 2º caso de coronavírus, Saúde diz que vírus não circula pelo País

A confirmação do segundo caso importado do novo coronavírus em São Paulo não muda o cenário nacional, segundo o Ministério da Saúde. "Não há mudança da situação nacional, pois não existem evidências de circulação sustentada do vírus em território brasileiro", afirma a Pasta em nota divulgada neste sábado.

O segundo caso confirmado de coronavírus no Brasil é de um paciente homem, de 32 anos, residente em São Paulo, que chegou da Itália no dia 27 de fevereiro, de voo procedente de Milão, na região da Lombardia (norte do país), quando também iniciou os sintomas. Ele foi atendido no Hospital Albert Einstein na sexta-feira, 28.

Para a confirmação do novo caso, o ministério considerou final os testes realizados pelo Hospital Israelita Albert Einstein (HIAE), o exame específico para SARS-CoV2 (RT-PCR, pelo protocolo Charité), conforme preconizado pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Segundo informações repassadas pela Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo ao ministério, durante o voo, o homem usou máscara e, no atendimento, foram relatados febre, tosse, dor de garganta, mialgia (dor muscular) e dor de cabeça. O paciente recebeu orientação de isolamento domiciliar pois o quadro clínico é leve e estável. Ele estava acompanhado no voo da esposa, seu único contato domiciliar, que está assintomática. "Ambos estão isolamento domiciliar e monitoramento diário pela Secretaria Municipal de São Paulo", afirma a nota do ministério.

Ainda de acordo com informações da Saúde, está em curso por meio das secretarias estadual e municipal, juntamente com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a investigação de contatos próximos durante o voo e outros locais.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade