Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Saúde
Brasil registra 428 mortes por coronavírus nas últimas 24 horas

São Paulo segue sendo a região com maior número de casos

Sexta, 1/5/2020 17:57.
Fernando Crispim/Amazonia Real

Publicidade

O Brasil registrou 428 mortes pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas, segundo dados divulgados nesta sexta-feira, dia 1º, pelo Ministério da Saúde.

Com isso, o total oficial de vítimas da covid-19 no País chegou a 6.329. O número de casos confirmados da doença passou de 85.380 para 91.589 com o acréscimo dos 6.209 novos casos registrados de quinta para esta sexta-feira.

O Sudeste segue sendo a região com o maior número de casos registrados. Mesmo assim, houve registro de pessoas furando o isolamento para ir às praias no Rio de Janeiro - cidade que teve a quarentena prorrogada para o próximo dia 15 pelo prefeito, Marcelo Crivella.

Em São Paulo, que é o epicentro da doença no País, também fala-se sobre a necessidade de prorrogar o período de isolamento social, previsto para acabar no dia 10 deste mês.

A ocupação de leitos de UTI destinados ao tratamento do coronavírus está acima de 70% em pelo menos seis Estados do País


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Fernando Crispim/Amazonia Real

Brasil registra 428 mortes por coronavírus nas últimas 24 horas

São Paulo segue sendo a região com maior número de casos

Publicidade

Sexta, 1/5/2020 17:57.

O Brasil registrou 428 mortes pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas, segundo dados divulgados nesta sexta-feira, dia 1º, pelo Ministério da Saúde.

Com isso, o total oficial de vítimas da covid-19 no País chegou a 6.329. O número de casos confirmados da doença passou de 85.380 para 91.589 com o acréscimo dos 6.209 novos casos registrados de quinta para esta sexta-feira.

O Sudeste segue sendo a região com o maior número de casos registrados. Mesmo assim, houve registro de pessoas furando o isolamento para ir às praias no Rio de Janeiro - cidade que teve a quarentena prorrogada para o próximo dia 15 pelo prefeito, Marcelo Crivella.

Em São Paulo, que é o epicentro da doença no País, também fala-se sobre a necessidade de prorrogar o período de isolamento social, previsto para acabar no dia 10 deste mês.

A ocupação de leitos de UTI destinados ao tratamento do coronavírus está acima de 70% em pelo menos seis Estados do País


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade