Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Saúde
Mais 8 mortes em 24 horas e UTIs lotadas na região da Amfri

Prefeitos assistem à escalada da doença que pode levar sistema de saúde ao colapso

Quinta, 9/7/2020 6:07.
TCMGO

Publicidade

A escalada da covid-19 na Amfri teve o registro de mais 8 óbitos entre terça-feira e quarta-feira e as UTIs de três dos quatro hospitais da região esgotaram a capacidade, incluindo o Ruth Cardoso, o Hospital do Coração e o Hospital da Unimed em Balneário Camboriú.

O único hospital com vagas, o Marieta, está esgotando rapidamente sua capacidade. No boletim à tardinha desta quarta-feira tinha 66 internados, dos quais 41 em UTI, restando apenas 9 leitos.

A experiência tem mostrado que enfermarias lotadas, como no caso do Marieta,levarão a UTIs lotadas, com os pacientes de covid-19 podendo ficar longos períodos internados.

O Ruth Cardoso, que a prefeitura de Balneário Camboriú afirma ter 26 leitos de UTI, em verdade tem apenas 20 com equipe médica adequada, dos quais 19 estavam ocupados ao final desta quarta-feira.

O Hospital do Coração de Balneário Camboriú tinha os seus sete leitos de UTI ocupados e o Hospital da Unimed foi obrigado a transferir dois pacientes.

Enquanto o número de casos e mortes segue crescendo - Balneário Camboriú é líder no número de doentes na região - os prefeitos, às vésperas de uma eleição, evitam adotar restrições mais rígidas o que provavelmente levará o sistema de saúde ao colapso e ao fechamento compulsório de diversas cidades.

Os médicos alertam que é fundamental as pessoas em grupo de risco manterem rígido isolamente social.

Veja o boletim oficial da Amfri desta quarta-feira:



Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
TCMGO

Mais 8 mortes em 24 horas e UTIs lotadas na região da Amfri

Prefeitos assistem à escalada da doença que pode levar sistema de saúde ao colapso

Publicidade

Quinta, 9/7/2020 6:07.

A escalada da covid-19 na Amfri teve o registro de mais 8 óbitos entre terça-feira e quarta-feira e as UTIs de três dos quatro hospitais da região esgotaram a capacidade, incluindo o Ruth Cardoso, o Hospital do Coração e o Hospital da Unimed em Balneário Camboriú.

O único hospital com vagas, o Marieta, está esgotando rapidamente sua capacidade. No boletim à tardinha desta quarta-feira tinha 66 internados, dos quais 41 em UTI, restando apenas 9 leitos.

A experiência tem mostrado que enfermarias lotadas, como no caso do Marieta,levarão a UTIs lotadas, com os pacientes de covid-19 podendo ficar longos períodos internados.

O Ruth Cardoso, que a prefeitura de Balneário Camboriú afirma ter 26 leitos de UTI, em verdade tem apenas 20 com equipe médica adequada, dos quais 19 estavam ocupados ao final desta quarta-feira.

O Hospital do Coração de Balneário Camboriú tinha os seus sete leitos de UTI ocupados e o Hospital da Unimed foi obrigado a transferir dois pacientes.

Enquanto o número de casos e mortes segue crescendo - Balneário Camboriú é líder no número de doentes na região - os prefeitos, às vésperas de uma eleição, evitam adotar restrições mais rígidas o que provavelmente levará o sistema de saúde ao colapso e ao fechamento compulsório de diversas cidades.

Os médicos alertam que é fundamental as pessoas em grupo de risco manterem rígido isolamente social.

Veja o boletim oficial da Amfri desta quarta-feira:



Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade