Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Saúde
Mortalidade por covid-19 no Marieta é maior que em outros hospitais da região

Falta de transparência e números suspeitos no maior hospital da Amfri

Sexta, 7/8/2020 17:35.

Publicidade

Números obtidos pelo Jornal Página 3 mostram que a taxa de mortes dos pacientes internados por covid-19 no Hospital Marieta, em Itajaí, pode ser de 35%, contra 11% no Hospital Ruth Cardoso e 6% no Hospital da Unimed.

O Hospital Marieta alega que os números são outros e resultariam numa taxa de mortes de 16,4% ainda assim mais que o dobro da Unimed e quase 50% a mais do que no Ruth Cardoso.

O Hospital Marieta, embora seja público e sustentado com dinheiro público, se recusou sistematicamente a fornecer números à imprensa da região e só o fez na manhã desta sexta-feira, após o Página 3 informar que publicaria essa matéria.

Na última quarta-feira a assessoria do Marieta alegou que não dispunha de números, mas hoje os forneceu 16 minutos após o Página 3 informar sobre a publicação desta reportagem.

NÚMEROS SUSPEITOS

A assessoria do Marieta afirma que todos os 657 pacientes de covid-19 que passaram por aquele hospital foram internados na enfermaria e também na UTI.

É uma alegação estranha porque no hospital da Unimed só 25% foram para UTI e no Ruth Cardoso 37%.

Pode estar ocorrendo uma manobra para aumentar o faturamento do hospital contra o SUS, pois os leitos de UTI pagam mais do que os de enfermaria, mas isso só uma auditoria especializada poderá apurar.

A assessoria de comunicação do hospital alegou que os hospitais de cidades como Navegantes, Penha e Nova Trento é que estão recebendo os casos mais leves, e no Marieta só chegam os realmente graves.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3

Mortalidade por covid-19 no Marieta é maior que em outros hospitais da região

Falta de transparência e números suspeitos no maior hospital da Amfri

Publicidade

Sexta, 7/8/2020 17:35.

Números obtidos pelo Jornal Página 3 mostram que a taxa de mortes dos pacientes internados por covid-19 no Hospital Marieta, em Itajaí, pode ser de 35%, contra 11% no Hospital Ruth Cardoso e 6% no Hospital da Unimed.

O Hospital Marieta alega que os números são outros e resultariam numa taxa de mortes de 16,4% ainda assim mais que o dobro da Unimed e quase 50% a mais do que no Ruth Cardoso.

O Hospital Marieta, embora seja público e sustentado com dinheiro público, se recusou sistematicamente a fornecer números à imprensa da região e só o fez na manhã desta sexta-feira, após o Página 3 informar que publicaria essa matéria.

Na última quarta-feira a assessoria do Marieta alegou que não dispunha de números, mas hoje os forneceu 16 minutos após o Página 3 informar sobre a publicação desta reportagem.

NÚMEROS SUSPEITOS

A assessoria do Marieta afirma que todos os 657 pacientes de covid-19 que passaram por aquele hospital foram internados na enfermaria e também na UTI.

É uma alegação estranha porque no hospital da Unimed só 25% foram para UTI e no Ruth Cardoso 37%.

Pode estar ocorrendo uma manobra para aumentar o faturamento do hospital contra o SUS, pois os leitos de UTI pagam mais do que os de enfermaria, mas isso só uma auditoria especializada poderá apurar.

A assessoria de comunicação do hospital alegou que os hospitais de cidades como Navegantes, Penha e Nova Trento é que estão recebendo os casos mais leves, e no Marieta só chegam os realmente graves.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade