Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Saúde faz esclarecimento sobre falta de pediatra
Divulgação

Segunda, 13/2/2017 6:49.

Vários veículos de comunicação foram informados sobre a falta de pediatra no posto de saúde da Vila Real, nesta segunda-feira.

Uma mãe teria chegado ao posto no início da manhã com a filha de nove meses, febril e com tosse, e se deparou com uma placa sobre a suspensão de agendamentos com pediatra por causa de férias do profissional durante o mês de fevereiro. “Agora temos que escolher até o mês pra ficar doente”, reclamou a leitora.

A Secretaria de Saúde foi procurada e informou que houve um problema de comunicação, porque a moradora viu a placa e possivelmente foi embora sem tentar o atendimento. A orientação da pasta é que o médico da Estratégia da Família acolha qualquer um que buscar atendimento e caso necessário, encaminhe para um local onde haja o especialista, mas isso nem chegou a ocorrer.

Para evitar que a situação se repita, a prefeitura determinou que seja feito um novo cartaz, dessa vez com informações mais claras para evitar mal entendidos.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Negócios

Outras três empresas aguardam autorização 


Divulgação

Excelente opção para os micro empreendedores, pequenas empresas e freelancers.


Geral

Conselho Comunitário de Segurança Náutica e Cidadania de Balneário Camboriú


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Saúde faz esclarecimento sobre falta de pediatra

Divulgação
Segunda, 13/2/2017 6:49.

Vários veículos de comunicação foram informados sobre a falta de pediatra no posto de saúde da Vila Real, nesta segunda-feira.

Uma mãe teria chegado ao posto no início da manhã com a filha de nove meses, febril e com tosse, e se deparou com uma placa sobre a suspensão de agendamentos com pediatra por causa de férias do profissional durante o mês de fevereiro. “Agora temos que escolher até o mês pra ficar doente”, reclamou a leitora.

A Secretaria de Saúde foi procurada e informou que houve um problema de comunicação, porque a moradora viu a placa e possivelmente foi embora sem tentar o atendimento. A orientação da pasta é que o médico da Estratégia da Família acolha qualquer um que buscar atendimento e caso necessário, encaminhe para um local onde haja o especialista, mas isso nem chegou a ocorrer.

Para evitar que a situação se repita, a prefeitura determinou que seja feito um novo cartaz, dessa vez com informações mais claras para evitar mal entendidos.

Publicidade

Publicidade