Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Jade e Fabricio irão a Brasília pleitear imóvel para a saúde
Amanda Weber
Jade, Piriquito e Fabrício

Segunda, 28/11/2016 7:16.

A secretária do Planejamento Jade Martins Ribeiro e o futuro prefeito Fabrício Oliveira irão a Brasília, definir a situação de parte do imóvel onde funciona o Posto de Saúde Central, pertencente ao INSS, que pretendia retomá-lo.

Devido a abusos generalizados, como aluguéis irrisórios pagos por particulares, o INSS está retomando propriedades em todo o Brasil.

Aqui poderá ser diferente, porque o município protocolou pedido para continuar na posse do imóvel, usado para saúde pública.

A procuradoria do INSS adiantou que é possível o acordo e quer receber os representantes da cidade para discutir o assunto.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Geral

 O encontro traz à cidade palestrantes renomados no país. 


Cidade

No Estaleiro e no Estaleirinho as bandeiras seguem hasteadas até a Páscoa


Política

Guru do bolsonarismo afirmou isso no sábado em evento nos Estados Unidos


Cidade

Ele estaria em licença de saúde, mas no filme não parece doente


Publicidade


Geral

Captura além da cota em 2018 é o argumento do governo para impedir a safra de 2019.  


Esportes

Um dos campeões é de Balneário Camboriú


Geral


Cidade

Não iniciou e diretor da segunda colocada na liciitação é acusado na Lava Jato


Publicidade


Justiça

A prisão após a condenação em segunda instância, será avaliada em abril pelo STF.


Política


Geral

Leitores lançam suspeitas sobre procedimento da Caixa


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Jade e Fabricio irão a Brasília pleitear imóvel para a saúde

Amanda Weber
Jade, Piriquito e Fabrício
Jade, Piriquito e Fabrício
Segunda, 28/11/2016 7:16.

A secretária do Planejamento Jade Martins Ribeiro e o futuro prefeito Fabrício Oliveira irão a Brasília, definir a situação de parte do imóvel onde funciona o Posto de Saúde Central, pertencente ao INSS, que pretendia retomá-lo.

Devido a abusos generalizados, como aluguéis irrisórios pagos por particulares, o INSS está retomando propriedades em todo o Brasil.

Aqui poderá ser diferente, porque o município protocolou pedido para continuar na posse do imóvel, usado para saúde pública.

A procuradoria do INSS adiantou que é possível o acordo e quer receber os representantes da cidade para discutir o assunto.

 

Publicidade

Publicidade