Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Crioterapia e Criolipólise: saiba quais são as diferenças entre os tratamentos estéticos

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Sexta, 3/6/2016 15:10.

Tratamentos de estética abrangem questões que vão além de apenas conquistar um corpo bonito: são formas de garantir qualidade de vida e têm tudo a ver com autoestima e entusiasmo no dia a dia. Pesquisas já comprovaram que pessoas com uma imagem positiva de si mesmas têm um sistema imunológico mais fortalecido e correm menos risco de desenvolver vários tipos de doenças.

Atualmente, dois procedimentos têm dado o que falar: a crioterapia e a criolipólise. As duas técnicas utilizam baixas temperaturas para reduzir medidas e auxiliar na eliminação de gordura localizada (krios é uma palavra grega que significa "frio").

Apesar de semelhantes, os procedimentos têm sido divulgados de forma equivocada, levantando uma série de questões e dúvidas para quem deseja investir no tratamento. Saiba quais são as diferenças entre ambas e descubra qual delas é a mais indicada para você

Crioterapia

A crioterapia é um método empregado na medicina e indicado para reparo de lesões musculares, redução de circulação e outros males. Para fins estéticos, o resfriamento eleva a taxa metabólica para gerar energia, a famosa ação termogênica. Para evitar hipotermia, o corpo começa a se aquecer, auxiliando na perda de gordura

O procedimento consiste em uma massagem manual ou com aparelhos utilizando cremes, géis e sprays que contêm cânfora ou mentol, capazes de deixar a temperatura localizada entre 0º e 2º C. A região massageada precisa ser enfaixada para que a ação refrigerante seja mais profunda e eficaz, penetrando nos tecidos

A crioterapia tem duração de aproximadamente meia hora e podem ser necessárias 10 sessões, de 2 a 3 vezes por semana, em dias alternados. O método pode ser praticado por esteticistas sem nível superior e é uma técnica simples e não-invasiva

Criolipólise

Por outro lado, a criolipólise é um procedimento mais complexo e só deve ser realizado por médicos. O método consiste no uso de aparelho que promove uma espécie de sucção na pele e congela as células de gordura a -7º C. O aparelho da criolipólise é adaptado para cada área do corpo e o frio atua seletivamente nas células adiposas, destruindo-as. Recomenda-se 3 sessões com intervalo de um mês cada: é possível reduzir até 3 cm em cada sessão.

Em relação a riscos, a criolipólise é bem diferente da crioterapia e inspira cuidados especiais. O tratamento só pode ser realizado por especialistas registrados no Conselho Federal de Medicina, além de ser necessária a utilização de aparelhos com registro na Anvisa e devidamente regulados, a fim de evitar queimaduras e até mesmo necrose da pele. Na loja virtual da Shopfisio você encontra equipamentos modernos para redução de gordura corporal, especialmente projetados para seleção e resfriamento das células.

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade