Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Inverno é um período ideal para emagrecer

Quarta, 22/6/2016 9:08.

Por Waldemar Cezar Neto

A maioria das pessoas não percebe que o inverno é uma grande oportunidade para perder peso. Costumamos engordar nessa época porque sentimos mais fome, praticamos menos exercícios, estamos com o corpo mais coberto e adotamos uma dieta que abusa das gorduras e carboidratos. Se mantivéssemos a alimentação normal, eventualmente ingerindo uma quantidade um pouco maior, os resultados seriam mais positivos.

Sentimos mais fome porque nosso organismo aciona a necessidade de ingerir alimentos mais calóricos e em maior quantidade para gerar energia e aquecer o corpo, mas nosso clima não é tão frio, as roupas e os sistemas de aquecimento nos protegem e podemos comer pratos quentes que sejam pouco calóricos.

Se as pessoas que precisam perder peso comessem menos no inverno emagreceriam já que parte das suas reservas de gordura seria queimada para manter o equilíbrio térmico do corpo.

Alguns pratos cujos ingredientes retêm mais o calor (a batata é o exemplo clássico) também passam a sensação de aquecimento, embora muitas vezes isso seja ilusório. Uma porção de sashimi de salmão (um prato “frio”) tem mais calorias que a mesma porção de sopa de carne com legumes (um prato “quente”).

É comum as pessoas beberem um aperitivo para esquentar sem se darem conta que para metabolizar o álcool o organismo perde calor, portanto esfria. O que esquenta é rapadura, goiabada etc.

A nutricionista Débora Guimarães recomenda que bebamos mais chás e abusemos de sopas de vegetais e legumes antes de qualquer outro alimento mais gorduroso. Exercícios físicos aliados a essa “dieta” de inverno só trarão benefícios.

Débora ressalta a necessidade de beber água, líquidos em geral, todos os chás, porque hidratam, ajudam a evitar gripes e resfriados. Reforçar o sistema imunológico é importante, ingerindo alho, gengibre, batata-doce, sardinhas e vegetais escuros dentre outros alimentos.

No inverno continua valendo a regra geral que podemos comer de tudo, o que faz mal não é o alimento e sim a quantidade.


Esta matéria foi produzida pelo jornal Página 3, sua reprodução em outros meios de comunicação é proibida.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Inverno é um período ideal para emagrecer

Quarta, 22/6/2016 9:08.

Por Waldemar Cezar Neto

A maioria das pessoas não percebe que o inverno é uma grande oportunidade para perder peso. Costumamos engordar nessa época porque sentimos mais fome, praticamos menos exercícios, estamos com o corpo mais coberto e adotamos uma dieta que abusa das gorduras e carboidratos. Se mantivéssemos a alimentação normal, eventualmente ingerindo uma quantidade um pouco maior, os resultados seriam mais positivos.

Sentimos mais fome porque nosso organismo aciona a necessidade de ingerir alimentos mais calóricos e em maior quantidade para gerar energia e aquecer o corpo, mas nosso clima não é tão frio, as roupas e os sistemas de aquecimento nos protegem e podemos comer pratos quentes que sejam pouco calóricos.

Se as pessoas que precisam perder peso comessem menos no inverno emagreceriam já que parte das suas reservas de gordura seria queimada para manter o equilíbrio térmico do corpo.

Alguns pratos cujos ingredientes retêm mais o calor (a batata é o exemplo clássico) também passam a sensação de aquecimento, embora muitas vezes isso seja ilusório. Uma porção de sashimi de salmão (um prato “frio”) tem mais calorias que a mesma porção de sopa de carne com legumes (um prato “quente”).

É comum as pessoas beberem um aperitivo para esquentar sem se darem conta que para metabolizar o álcool o organismo perde calor, portanto esfria. O que esquenta é rapadura, goiabada etc.

A nutricionista Débora Guimarães recomenda que bebamos mais chás e abusemos de sopas de vegetais e legumes antes de qualquer outro alimento mais gorduroso. Exercícios físicos aliados a essa “dieta” de inverno só trarão benefícios.

Débora ressalta a necessidade de beber água, líquidos em geral, todos os chás, porque hidratam, ajudam a evitar gripes e resfriados. Reforçar o sistema imunológico é importante, ingerindo alho, gengibre, batata-doce, sardinhas e vegetais escuros dentre outros alimentos.

No inverno continua valendo a regra geral que podemos comer de tudo, o que faz mal não é o alimento e sim a quantidade.


Esta matéria foi produzida pelo jornal Página 3, sua reprodução em outros meios de comunicação é proibida.

 

Publicidade

Publicidade