Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Política
Omar Tomalih propõe Câmara de Balneário Camboriú com 11 vereadores

Argumento de economia usado pelo vereador não é verdadeiro

Quinta, 6/8/2020 7:53.
Divulgação

Publicidade

O presidente da Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú, Omar Tomalih, apresentou proposta para reduzir a quantidade de cadeiras de 18 para 11, alegando que com isso será possível a sociedade economizar R$ 15.8 milhões.

A alegação não é verdadeira, a redução de 8 vereadores e seus assessores, pelos salários atuais, daria uma economia de 2.929.067,52 por ano.

Há quem defenda maior quantidade de vereadores para que a sociedade seja representada amplamente e isso é possível, mantendo os 19 vereadores e reduzindo suas mordomias como os cinco assessores por gabinete e o salário de R$ 12.669,00.

Vereadores e seus assessores custam à Câmara cerca de R$ 7,2 milhões por ano, portanto cortando os salários em 50% a economia seria maior do que diminuir a quantidade de cadeiras no Legislativo.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação

Omar Tomalih propõe Câmara de Balneário Camboriú com 11 vereadores

Argumento de economia usado pelo vereador não é verdadeiro

Publicidade

Quinta, 6/8/2020 7:53.

O presidente da Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú, Omar Tomalih, apresentou proposta para reduzir a quantidade de cadeiras de 18 para 11, alegando que com isso será possível a sociedade economizar R$ 15.8 milhões.

A alegação não é verdadeira, a redução de 8 vereadores e seus assessores, pelos salários atuais, daria uma economia de 2.929.067,52 por ano.

Há quem defenda maior quantidade de vereadores para que a sociedade seja representada amplamente e isso é possível, mantendo os 19 vereadores e reduzindo suas mordomias como os cinco assessores por gabinete e o salário de R$ 12.669,00.

Vereadores e seus assessores custam à Câmara cerca de R$ 7,2 milhões por ano, portanto cortando os salários em 50% a economia seria maior do que diminuir a quantidade de cadeiras no Legislativo.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade