Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Política
Taquarinhas: parque ambiental municipal ou estadual mais perto de uma solução

O vereador aproveitou que estava em Brasília pra falar sobre o saneamento básico de Camboriú

Sexta, 20/9/2019 13:07.
Divulgação
Chiodini, Naatz e Achutti na reunião com a Caixa

Publicidade

O vereador Marcelo Achutti voltou otimista de uma reunião na Gerência Nacional de Infraestrutura e Patrimônio de Terceiros da Caixa, esta semana, em Brasília. Ele acredita que as negociações que referem à Praia de Taquarinhas vão andar.

“Há muito tempo se fala sobre Taquarinhas. Se depender de uma doação da Caixa para o governo do Estado ou para o município de Balneário Camboriú não vai sair nunca. Esperar que o município invista milhões de reais naquela desapropriação também não vai acontecer. Mas nesta reunião com o corpo técnico da Caixa, aconteceu um encaminhamento positivo: pedimos cessão de uso da área de Taquarinhas para o município ou para o governo do Estado”, disse Achutti.

Ele entende que desta forma a contrapartida de manter Taquarinhas como um parque, seja municipal ou estadual, ficará mais fácil.

“Não será necessário nenhum centavo de dinheiro público e com a arrecadação através das multas do Instituto Meio Ambiente (IMA) e do Ministério Público (medidas compensatórias ou mitigatórias) pode-se manter o parque no estilo que queremos”, segue o vereador.

O próximo passo, segundo Achutti, é apresentar a consulta de viabilidade, provando que atualmente nada pode ser construído naquele local por ordem da justiça e restrições do Plano Diretor do municipio. Depois disso, a Caixa vai se reunir o Conselho dos Vice-presidentes para debater o assunto.

“Isso com certeza cessará qualquer interesse imobiliário. Eles não sabiam, não tinham conhecimento, que não pode-se construir nada ali, mas agora sabem. E com essa informação, conseguimos sensibilizar para a solução mais prática, o encaminhamento para cessão de uso para o município ou para o Estado, e isso está muito bem encaminhado”, afirmou.

O presidente da Comissão de Turismo e Meio Ambiente da Assembléia Legislativa, deputado Ivan Naatz (PV) e o deputado federal Carlos Chiodini (MDB) também participaram do encontro na Caixa.

O deputado Ivan Naatz, autor do projeto de criação do Parque Estadual da Praia de Taquarinhas e que tramita na Alesc, lembrou do Parque das Artes, em São Paulo, onde o Estado tem cessão de uso por 20 anos, prorrogáveis por mais 20.

"Estamos cada vez mais perto da conquista deste patrimônio ambiental para toda comunidade regional, favorecendo o turismo ecológico sustentável", disse Naatz.

O projeto de criação do Parque Estadual de Taquarinhas continua sua tramitação na Alesc, já tendo passado pela Comissão de Constituição e Justiça-CCJ e agora está na Comissão de Finanças. O próximo passo será a análise pela Comissão de Turismo e Meio Ambiente para que possa ser votado em plenário.


Esgoto

O vereador Marcelo Achutti disse que teve um encontro com o assessor do ministro do Desenvolvimento, Gustavo Canuto, para falar sobre o problema do saneamento básico de Camboriú.

“Expliquei o nosso grave problema de saneamento básico, que afeta os dois municípios e falei daquele recurso que foi perdido ou que não foi apresentado pela prefeita Luzia ao Ministério na ocasião. Ele se sentiu sensibilizado, porque conhece nosso Estado, principalmente Balneário Camboriú e Camboriú, deixou as portas as portas abertas para que Camboriú apresente o projeto. Vou procurar o prefeito Elcio Kuhnen esta semana”, disse Achutti.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Divulgação
Chiodini, Naatz e Achutti na reunião com a Caixa
Chiodini, Naatz e Achutti na reunião com a Caixa

Taquarinhas: parque ambiental municipal ou estadual mais perto de uma solução

O vereador aproveitou que estava em Brasília pra falar sobre o saneamento básico de Camboriú

Publicidade

Sexta, 20/9/2019 13:07.

O vereador Marcelo Achutti voltou otimista de uma reunião na Gerência Nacional de Infraestrutura e Patrimônio de Terceiros da Caixa, esta semana, em Brasília. Ele acredita que as negociações que referem à Praia de Taquarinhas vão andar.

“Há muito tempo se fala sobre Taquarinhas. Se depender de uma doação da Caixa para o governo do Estado ou para o município de Balneário Camboriú não vai sair nunca. Esperar que o município invista milhões de reais naquela desapropriação também não vai acontecer. Mas nesta reunião com o corpo técnico da Caixa, aconteceu um encaminhamento positivo: pedimos cessão de uso da área de Taquarinhas para o município ou para o governo do Estado”, disse Achutti.

Ele entende que desta forma a contrapartida de manter Taquarinhas como um parque, seja municipal ou estadual, ficará mais fácil.

“Não será necessário nenhum centavo de dinheiro público e com a arrecadação através das multas do Instituto Meio Ambiente (IMA) e do Ministério Público (medidas compensatórias ou mitigatórias) pode-se manter o parque no estilo que queremos”, segue o vereador.

O próximo passo, segundo Achutti, é apresentar a consulta de viabilidade, provando que atualmente nada pode ser construído naquele local por ordem da justiça e restrições do Plano Diretor do municipio. Depois disso, a Caixa vai se reunir o Conselho dos Vice-presidentes para debater o assunto.

“Isso com certeza cessará qualquer interesse imobiliário. Eles não sabiam, não tinham conhecimento, que não pode-se construir nada ali, mas agora sabem. E com essa informação, conseguimos sensibilizar para a solução mais prática, o encaminhamento para cessão de uso para o município ou para o Estado, e isso está muito bem encaminhado”, afirmou.

O presidente da Comissão de Turismo e Meio Ambiente da Assembléia Legislativa, deputado Ivan Naatz (PV) e o deputado federal Carlos Chiodini (MDB) também participaram do encontro na Caixa.

O deputado Ivan Naatz, autor do projeto de criação do Parque Estadual da Praia de Taquarinhas e que tramita na Alesc, lembrou do Parque das Artes, em São Paulo, onde o Estado tem cessão de uso por 20 anos, prorrogáveis por mais 20.

"Estamos cada vez mais perto da conquista deste patrimônio ambiental para toda comunidade regional, favorecendo o turismo ecológico sustentável", disse Naatz.

O projeto de criação do Parque Estadual de Taquarinhas continua sua tramitação na Alesc, já tendo passado pela Comissão de Constituição e Justiça-CCJ e agora está na Comissão de Finanças. O próximo passo será a análise pela Comissão de Turismo e Meio Ambiente para que possa ser votado em plenário.


Esgoto

O vereador Marcelo Achutti disse que teve um encontro com o assessor do ministro do Desenvolvimento, Gustavo Canuto, para falar sobre o problema do saneamento básico de Camboriú.

“Expliquei o nosso grave problema de saneamento básico, que afeta os dois municípios e falei daquele recurso que foi perdido ou que não foi apresentado pela prefeita Luzia ao Ministério na ocasião. Ele se sentiu sensibilizado, porque conhece nosso Estado, principalmente Balneário Camboriú e Camboriú, deixou as portas as portas abertas para que Camboriú apresente o projeto. Vou procurar o prefeito Elcio Kuhnen esta semana”, disse Achutti.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade