Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Política
Vereador Bola sugere vincular Fundação de Esportes com secretaria da Educação

Terça, 17/9/2019 12:57.
Arquivo Pessoal
Vereador preocupado com o futuro do esporte municipal

Publicidade

O vereador Aldemar Bola Pereira fez indicação ao prefeito Fabrício Oliveira há duas semanas, sugerindo levar a Fundação Municipal de Esportes para a Secretaria da Educação, porque considera muito melhor do que transportar para a secretaria de Turismo junto com a Fundação Cultural, como o Executivo está propondo em sua reforma administrativa.

“Para mim passar esporte e cultura para o turismo é jogar para uma posição secundária, de importância, mobilidade e autonomia bem menores”, justificou Bola.

Ele disse que fez a indicação porque no projeto de reforma administrativa que o governo apresentou inicialmente, havia muitas alterações que não foram aprovadas pelos vereadores porque choveram emendas.

“Eu fiz uma emenda para evitar que acabassem com a Fundação de Esporte e a Fundação de Cultura. Mas o prefeito retirou o projeto, está fazendo um novo e então eu fiz essa indicação que chega mais rápido ao prefeito, para que ele reveja a situação e coloque então a Fundação de Esportes na secretaria da Educação. Motivo é simples: onde estão os potenciais atletas? Onde é que se pratica esporte? Onde mais tem professores de educação fisica? Onde tem mais quadras e espaços destinados ao esporte? Nas escolas, tanto públicas como privadas. Acho justo, lógico, tem Jogos Estudantis, mas não temos jogos de hotéis, bares, restaurantes”, segue o vereador.

O vereador aproveitou para elogiar o desempenho da Fundação de Esportes, pelos resultados obtidos esse ano.

“Muitos atletas de Balneário Camboriú conquistando medalhas, prêmio, vitórias fora daqui com apoio da Fundação. É pouco, mas se acabar com a Fundação ou enfraquecê-la, você tira a possibilidade do atleta buscar dinheiro na iniciativa privada. Na secretaria da Educação tem muito mais professores capacitados, que podem fazer parcerias com o Sebrae por exemplo, para capacitar os atletas a fazer projetos de captação de recurso para que possam participar de mais eventos”, continua Bola.

Ele entende que se acabar com a Fundação independente, o dinheiro virá somente do orçamento do município.

“Ou se mantê-la em questão secundária até conseguir autorização, da secretaria de Turismo, da assessoria parlamentar, do gabinete do prefeito, do jurídico da Câmara ou secretaria da Fazenda, os eventos já passaram, já acabaram.

Na Educação tem muito mais suporte, mais professores de educação física, mais espaços destinados ao esporte e milhares de crianças que querem uma oportunidade de praticar esporte.

Passar para a educação seria fortalecer o esporte de Balneário Camboriú inclusive mais do que manter a Fundação sozinha”, disse.

Resta saber se o prefeito Fabrício Oliveira aceitará a sugestão de um vereador de oposição.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Arquivo Pessoal
Vereador preocupado com o futuro do esporte municipal
Vereador preocupado com o futuro do esporte municipal

Vereador Bola sugere vincular Fundação de Esportes com secretaria da Educação

Publicidade

Terça, 17/9/2019 12:57.

O vereador Aldemar Bola Pereira fez indicação ao prefeito Fabrício Oliveira há duas semanas, sugerindo levar a Fundação Municipal de Esportes para a Secretaria da Educação, porque considera muito melhor do que transportar para a secretaria de Turismo junto com a Fundação Cultural, como o Executivo está propondo em sua reforma administrativa.

“Para mim passar esporte e cultura para o turismo é jogar para uma posição secundária, de importância, mobilidade e autonomia bem menores”, justificou Bola.

Ele disse que fez a indicação porque no projeto de reforma administrativa que o governo apresentou inicialmente, havia muitas alterações que não foram aprovadas pelos vereadores porque choveram emendas.

“Eu fiz uma emenda para evitar que acabassem com a Fundação de Esporte e a Fundação de Cultura. Mas o prefeito retirou o projeto, está fazendo um novo e então eu fiz essa indicação que chega mais rápido ao prefeito, para que ele reveja a situação e coloque então a Fundação de Esportes na secretaria da Educação. Motivo é simples: onde estão os potenciais atletas? Onde é que se pratica esporte? Onde mais tem professores de educação fisica? Onde tem mais quadras e espaços destinados ao esporte? Nas escolas, tanto públicas como privadas. Acho justo, lógico, tem Jogos Estudantis, mas não temos jogos de hotéis, bares, restaurantes”, segue o vereador.

O vereador aproveitou para elogiar o desempenho da Fundação de Esportes, pelos resultados obtidos esse ano.

“Muitos atletas de Balneário Camboriú conquistando medalhas, prêmio, vitórias fora daqui com apoio da Fundação. É pouco, mas se acabar com a Fundação ou enfraquecê-la, você tira a possibilidade do atleta buscar dinheiro na iniciativa privada. Na secretaria da Educação tem muito mais professores capacitados, que podem fazer parcerias com o Sebrae por exemplo, para capacitar os atletas a fazer projetos de captação de recurso para que possam participar de mais eventos”, continua Bola.

Ele entende que se acabar com a Fundação independente, o dinheiro virá somente do orçamento do município.

“Ou se mantê-la em questão secundária até conseguir autorização, da secretaria de Turismo, da assessoria parlamentar, do gabinete do prefeito, do jurídico da Câmara ou secretaria da Fazenda, os eventos já passaram, já acabaram.

Na Educação tem muito mais suporte, mais professores de educação física, mais espaços destinados ao esporte e milhares de crianças que querem uma oportunidade de praticar esporte.

Passar para a educação seria fortalecer o esporte de Balneário Camboriú inclusive mais do que manter a Fundação sozinha”, disse.

Resta saber se o prefeito Fabrício Oliveira aceitará a sugestão de um vereador de oposição.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade