Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Vereador apresenta projeto sobre tecnologia e cidade inteligente

Quarta, 17/4/2019 12:11.

O vereador André Meirinho apresentou projeto de lei esta semana que incentiva a economia e o empreendedorismo com o objetivo de regulamentar as atividades inerentes aos espaços produtivos, promover a conexão entre as universidades, centros de pesquisas e empresas para contribuir de forma cooperada com a produção científica, tecnológica e de inovação em prol de cidade inteligente.

Em sua justificativa, o vereador destaca a importância do projeto, alegando que o mundo globalizado, trouxe problemas complexos para a sociedade e as ações locais cada dia mais influenciam regionalmente.

“É urgente a necessidade de estímulo à criação de novos espaços para produção que possibilite movimentar a economia de Balneário Camboriú e seu entorno de forma sustentável”, destacou Meirinho.

O projeto de lei, que segue parâmetros da legislação nacional, estimula o empreendedorismo, propõe a criação do Conselho Municipal de Inovação e Tecnologia (sem custos para o município) com o propósito de buscar cenário favorável e incentivos para que este segmento seja destaque e gere subsídios às estratégias de inovação e tecnologia na nossa cidade.

O projeto foi baseado em iniciativas de outras cidades como Curitiba e Sorocaba.

Desta forma, o vereador espera a colaboração da sociedade, para que, através deste projeto, seja introduzido o conceito de Cidades Inteligentes (Smart City) em Balneário Camboriú.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Vereador apresenta projeto sobre tecnologia e cidade inteligente

Publicidade

Quarta, 17/4/2019 12:11.

O vereador André Meirinho apresentou projeto de lei esta semana que incentiva a economia e o empreendedorismo com o objetivo de regulamentar as atividades inerentes aos espaços produtivos, promover a conexão entre as universidades, centros de pesquisas e empresas para contribuir de forma cooperada com a produção científica, tecnológica e de inovação em prol de cidade inteligente.

Em sua justificativa, o vereador destaca a importância do projeto, alegando que o mundo globalizado, trouxe problemas complexos para a sociedade e as ações locais cada dia mais influenciam regionalmente.

“É urgente a necessidade de estímulo à criação de novos espaços para produção que possibilite movimentar a economia de Balneário Camboriú e seu entorno de forma sustentável”, destacou Meirinho.

O projeto de lei, que segue parâmetros da legislação nacional, estimula o empreendedorismo, propõe a criação do Conselho Municipal de Inovação e Tecnologia (sem custos para o município) com o propósito de buscar cenário favorável e incentivos para que este segmento seja destaque e gere subsídios às estratégias de inovação e tecnologia na nossa cidade.

O projeto foi baseado em iniciativas de outras cidades como Curitiba e Sorocaba.

Desta forma, o vereador espera a colaboração da sociedade, para que, através deste projeto, seja introduzido o conceito de Cidades Inteligentes (Smart City) em Balneário Camboriú.

Publicidade

Publicidade