Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Praça milionária do Nações deve ser votada nesta terça
Reprodução
Esboço inicial feito pela prefeitura

Segunda, 10/10/2016 6:28.

Na última semana uma sessão extraordinária foi marcada para deliberar o projeto enviado pelo prefeito Piriquito, da praça milionária do Bairro das Nações. Ele não chegou a ser votado por falta de quórum, mas volta à pauta nesta terça (11), véspera de feriado, em nova sessão extraordinária, marcada para às 18h. 

Na quinta passada, compareceram à sessão apenas os vereadores peemedebistas: Elizeu Pereira, Marcos Kurtz e Nilson Probst, além de Fábio Flor (PP), que é o idealizador do projeto e morador do Nações.

O projeto, enviado pelo prefeito Edson Renato Dias, inclui a construção do complexo esportivo no Plano Plurianual de 2014/2017. A estimativa inicial era de R$ 30 milhões, considerando as desapropriações.

A reportagem apurou que o desde então o projeto vem sofrendo modificações e foi reduzido, o que descartaria a necessidade de desapropriar. A primeira etapa do projeto já foi entregue pela empresa contratada, e tem uma estimativa de R$ 9 milhões de investimento só para o campo de futebol. A segunda etapa sequer foi projetada ou orçada e mesmo assim - sem ter noção exata do impacto que o empreendimento trará àquela região - existe pressão da presidência do Legislativo sobre os vereadores para que o projeto seja aprovado.

Apesar de um importante equipamento para a comunidade, parece irresponsável que se insista em aprovar um investimento tão alto, a pouco mais de dois meses de trocar o governo.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Praça milionária do Nações deve ser votada nesta terça

Reprodução
Esboço inicial feito pela prefeitura
Esboço inicial feito pela prefeitura
Segunda, 10/10/2016 6:28.

Na última semana uma sessão extraordinária foi marcada para deliberar o projeto enviado pelo prefeito Piriquito, da praça milionária do Bairro das Nações. Ele não chegou a ser votado por falta de quórum, mas volta à pauta nesta terça (11), véspera de feriado, em nova sessão extraordinária, marcada para às 18h. 

Na quinta passada, compareceram à sessão apenas os vereadores peemedebistas: Elizeu Pereira, Marcos Kurtz e Nilson Probst, além de Fábio Flor (PP), que é o idealizador do projeto e morador do Nações.

O projeto, enviado pelo prefeito Edson Renato Dias, inclui a construção do complexo esportivo no Plano Plurianual de 2014/2017. A estimativa inicial era de R$ 30 milhões, considerando as desapropriações.

A reportagem apurou que o desde então o projeto vem sofrendo modificações e foi reduzido, o que descartaria a necessidade de desapropriar. A primeira etapa do projeto já foi entregue pela empresa contratada, e tem uma estimativa de R$ 9 milhões de investimento só para o campo de futebol. A segunda etapa sequer foi projetada ou orçada e mesmo assim - sem ter noção exata do impacto que o empreendimento trará àquela região - existe pressão da presidência do Legislativo sobre os vereadores para que o projeto seja aprovado.

Apesar de um importante equipamento para a comunidade, parece irresponsável que se insista em aprovar um investimento tão alto, a pouco mais de dois meses de trocar o governo.

Publicidade

Publicidade