Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Plano Diretor já tem cinco emendas de vereadores

Quarta, 9/11/2016 9:41.

Já são cinco as emendas feitas por vereadores aos projetos do Plano Diretor e do Uso e Ocupação do Solo que estão tramitando na Câmara e começarão a ser votados nos próximos dias. Uma delas, feita por Claudir Maciel, prevê que no prazo de até cinco anos ônibus de turismo serão proibidos de ingressar na cidade e os visitantes seriam transportados de van desde uma nova rodoviária na BR-101.

Outra emenda, feita por Moacir Schmidt, exige que 10% da energia consumida por edifícios que aproveitem potenciais construtivos provenham de fontes alternativas como sol ou vento.

Claudir Maciel também propôs tratamento especial aos terrenos lindeiros ao Rio Camboriú para empreendimentos náuticos, turístico e de lazer.

A vereadora Marisa Fernandes fez duas emendas, uma alterando o afastamento entre imóveis e outra que muda a ocupação dos terrenos.
O embate, provavelmente jurídico, será para decidir se as emenda dos vereadores podem ou não ser aprovadas sem a realização de audiências públicas porque a lei assegura a participação popular na elaboração do Plano Diretor.

Não se afasta a hipótese de uma patifaria, a apresentação de uma série de emendas sob encomenda de interesses econômicos e a audiência pública ser marcada, por exemplo, para a véspera do Natal ou Ano Novo quando a população estará desmobilizada.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Divulgação

Excelente opção para os micro empreendedores, pequenas empresas e freelancers.


Editais

Renovação de Licença Ambiental de Operação


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Plano Diretor já tem cinco emendas de vereadores

Quarta, 9/11/2016 9:41.

Já são cinco as emendas feitas por vereadores aos projetos do Plano Diretor e do Uso e Ocupação do Solo que estão tramitando na Câmara e começarão a ser votados nos próximos dias. Uma delas, feita por Claudir Maciel, prevê que no prazo de até cinco anos ônibus de turismo serão proibidos de ingressar na cidade e os visitantes seriam transportados de van desde uma nova rodoviária na BR-101.

Outra emenda, feita por Moacir Schmidt, exige que 10% da energia consumida por edifícios que aproveitem potenciais construtivos provenham de fontes alternativas como sol ou vento.

Claudir Maciel também propôs tratamento especial aos terrenos lindeiros ao Rio Camboriú para empreendimentos náuticos, turístico e de lazer.

A vereadora Marisa Fernandes fez duas emendas, uma alterando o afastamento entre imóveis e outra que muda a ocupação dos terrenos.
O embate, provavelmente jurídico, será para decidir se as emenda dos vereadores podem ou não ser aprovadas sem a realização de audiências públicas porque a lei assegura a participação popular na elaboração do Plano Diretor.

Não se afasta a hipótese de uma patifaria, a apresentação de uma série de emendas sob encomenda de interesses econômicos e a audiência pública ser marcada, por exemplo, para a véspera do Natal ou Ano Novo quando a população estará desmobilizada.

 

Publicidade

Publicidade