Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Salário hora de um vereador vale 127 vezes o de um assalariado

Terça, 21/6/2016 10:17.

Nesta semana completou quatro anos da aprovação de reajuste dos salários dos vereadores, uma das matérias que mais tiveram repercussão (a maioria negativa) nas redes sociais do Página 3 até hoje. Na ocasião, dos 10 que votaram, apenas dois foram contra, Claudir Maciel e Fabrício Oliveira.  

Coincidentemente, tramita na Câmara de Balneário Camboriú um novo projeto de mudança. agora para os próximos quatro anos.

Como votaram os vereadores em 2012

O texto do projeto de lei explica que a Constituição do Estado de Santa Catarina determina que o salário dos vereadores da próxima legislatura seja votado com no mínimo seis meses de antecedência.

O problema é que os salários que eles ganham estão fora da realidade da maioria dos trabalhadores do país. Entre janeiro de 2013 e janeiro de 2016, o salário dos vereadores de Balneário Camboriú sofreu reajuste de 24%, enquanto que o salário mínimo teve aumento de apenas 16%.

Trabalhadores comuns cumprem jornada de 48 horas semanais e dos vereadores se exige a participação em apenas oito sessões mensais que duram em média duas horas. Portanto, enquanto a obrigação contratual de um assalariado é cerca de 200 horas mensais, a de um vereador é 16. Mesmo assim, o vereador ganha 12,6 salários mínimos.

A hora paga ao assalariado vale R$ 3,94. A hora paga a um vereador vale R$ 501,00; são 127 vezes mais do que recebe um assalariado.

Conta só aumenta

E na próxima legislatura o número de vereadores vai subir de 13 para 19. Não serão apenas novos edis, toda a estrutura precisará ser revista, desde o material de expediente até os funcionários que hoje são 11 por vereador.

O que você leitor pensa sobre essa conta? Opine!

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Cidade

Volume de resíduos não é um indicador seguro da quantidade de turistas


Policia

Praça central de Balneário Camboriú é o ponto preferido também de andarilhos e usuários 


Policia

A suspeita é que funcionários dos gabinetes da Alerj devolviam parte dos salários


Política


Publicidade


Publicidade


Cidade

Balneário Camboriú adotará entrega voluntária em ponto da prefeitura  


Divulgação

Excelente opção para os micro empreendedores, pequenas empresas e freelancers.


Geral

Até embarcações de pequeno porte levantam areia, depende das condições 


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Salário hora de um vereador vale 127 vezes o de um assalariado

Terça, 21/6/2016 10:17.

Nesta semana completou quatro anos da aprovação de reajuste dos salários dos vereadores, uma das matérias que mais tiveram repercussão (a maioria negativa) nas redes sociais do Página 3 até hoje. Na ocasião, dos 10 que votaram, apenas dois foram contra, Claudir Maciel e Fabrício Oliveira.  

Coincidentemente, tramita na Câmara de Balneário Camboriú um novo projeto de mudança. agora para os próximos quatro anos.

Como votaram os vereadores em 2012

O texto do projeto de lei explica que a Constituição do Estado de Santa Catarina determina que o salário dos vereadores da próxima legislatura seja votado com no mínimo seis meses de antecedência.

O problema é que os salários que eles ganham estão fora da realidade da maioria dos trabalhadores do país. Entre janeiro de 2013 e janeiro de 2016, o salário dos vereadores de Balneário Camboriú sofreu reajuste de 24%, enquanto que o salário mínimo teve aumento de apenas 16%.

Trabalhadores comuns cumprem jornada de 48 horas semanais e dos vereadores se exige a participação em apenas oito sessões mensais que duram em média duas horas. Portanto, enquanto a obrigação contratual de um assalariado é cerca de 200 horas mensais, a de um vereador é 16. Mesmo assim, o vereador ganha 12,6 salários mínimos.

A hora paga ao assalariado vale R$ 3,94. A hora paga a um vereador vale R$ 501,00; são 127 vezes mais do que recebe um assalariado.

Conta só aumenta

E na próxima legislatura o número de vereadores vai subir de 13 para 19. Não serão apenas novos edis, toda a estrutura precisará ser revista, desde o material de expediente até os funcionários que hoje são 11 por vereador.

O que você leitor pensa sobre essa conta? Opine!

Publicidade

Publicidade