Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

PR decide agora de manhã como votará no caso Elton Garcia
Marcio Gonçalves.
Elizeu, em primeiro plano, talvez indo para o PMDB.

Quarta, 10/2/2016 7:47.

A Executiva do Partido da República (PR) decidirá na manhã desta quarta-feira seu posicionamento sobre o processo do vereador Elton Garcia acusado de se apropriar de salários de funcionários da Câmara indicados por ele e de vários crimes quando secretário de obras da prefeitura.

O PR tem dois votos, Asinil Medeiros e Elizeu Pereira, sendo que este último possivelmente deixará o partido nos próximos dias para se filiar ao PMDB.

A desfiliação de Elizeu, se ocorrer, será após o dia 18 de março, quando abre a chamada janela de infidelidade. Não se sabe a data exata da votação do processo de cassação na Câmara, mas pode ser antes do dia 18 e neste caso Elizeu para teria que seguir a orientação partidária que tende a ser pela cassação.

Caso contrário ele corre o risco de ser expulso e sair com fama de proteger corruptos.
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

PR decide agora de manhã como votará no caso Elton Garcia

Marcio Gonçalves.
Elizeu, em primeiro plano, talvez indo para o PMDB.
Elizeu, em primeiro plano, talvez indo para o PMDB.

A Executiva do Partido da República (PR) decidirá na manhã desta quarta-feira seu posicionamento sobre o processo do vereador Elton Garcia acusado de se apropriar de salários de funcionários da Câmara indicados por ele e de vários crimes quando secretário de obras da prefeitura.

O PR tem dois votos, Asinil Medeiros e Elizeu Pereira, sendo que este último possivelmente deixará o partido nos próximos dias para se filiar ao PMDB.

A desfiliação de Elizeu, se ocorrer, será após o dia 18 de março, quando abre a chamada janela de infidelidade. Não se sabe a data exata da votação do processo de cassação na Câmara, mas pode ser antes do dia 18 e neste caso Elizeu para teria que seguir a orientação partidária que tende a ser pela cassação.

Caso contrário ele corre o risco de ser expulso e sair com fama de proteger corruptos.
 

Publicidade

Publicidade