Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Polícia
Duas mulheres e uma menina foram vítimas de agressão / importunação sexual em Balneário Camboriú no Dia da Mulher

Segunda, 9/3/2020 18:42.

Publicidade

Duas mulheres e uma menina foram vítimas de violência cometida por homens, no domingo (8), Dia Internacional da Mulher. Uma foi importunada sexualmente e a outra agredida pelo ex-marido, que também teria batido na filha dela, que tem 11 anos.

Importunação sexual no Pontal Norte

Na manhã de domingo (8), às 11h, uma mulher relatou para a Guarda Municipal que estava no deck do Pontal Norte quando um homem havia a ‘encoxado’ e esfregado o corpo nela. Ele ainda a teria ameaçado. O homem foi encontrado próximo da vítima e foi preso.

Homem bateu na ex-mulher e na filha

Na noite de domingo (8), às 20h, a Guarda Municipal foi chamada por populares por que um casal estaria brigando na Rua 1.400. Chegando ao local, os guardaram encontraram o casal; a mulher relatou que o seu ex-marido foi até a casa dela para entregar as filhas, e, nesse momento, a agrediu fisicamente. A filha dela, de 11 anos, também teria sido vítima do homem, que recebeu voz de prisão e foi encaminhado à delegacia.

Grupo de Proteção à Mulher

Para fortalecer as ações de combate à violência à mulher, a Guarda Municipal de Balneário Camboriú lança nesta segunda-feira (9) o Grupo de Proteção à Mulher. O objetivo é atender inicialmente cerca de 100 mulheres moradoras da cidade que possuem medida protetiva contra agressores. O Grupo atuará de forma semelhante ao Rede Catarina de Proteção à Mulher, programa da Polícia Militar que também acompanha vítimas com o objetivo de reprimir a aproximação dos agressores.

Denuncie

Se você sabe de alguma mulher que é ou foi vítima de violência ou se você foi/é vítima, ligue para a Polícia Militar (190) ou diretamente para o 180, que é um programa nacional que recebe denúncias de assédio e violência contra a mulher e as encaminha para os órgãos competentes.

Abraço à Mulher

Balneário Camboriú possui o programa Abraço à Mulher que serve de apoio para mulheres vítimas de violência doméstica que residem na cidade. O Abraço atende em regime de plantão 24h pelo telefone (47) 99982-1906, ou das 8h às 18h de segunda a sexta-feira na Rua 2850, nº 303, na Casa da Mulher.

Casa das Anas

Para proteger as suas acolhidas, a Casa das Anas de Balneário Camboriú não divulga o seu endereço. Se você sabe de alguma mulher vítima de violência doméstica que precisa de acolhimento ou se você precisa desse tipo de ajuda, ligue para (47) 99629-9113 ou e-mail adm.sc@vidasrecicladas.org.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3

Duas mulheres e uma menina foram vítimas de agressão / importunação sexual em Balneário Camboriú no Dia da Mulher

Publicidade

Segunda, 9/3/2020 18:42.

Duas mulheres e uma menina foram vítimas de violência cometida por homens, no domingo (8), Dia Internacional da Mulher. Uma foi importunada sexualmente e a outra agredida pelo ex-marido, que também teria batido na filha dela, que tem 11 anos.

Importunação sexual no Pontal Norte

Na manhã de domingo (8), às 11h, uma mulher relatou para a Guarda Municipal que estava no deck do Pontal Norte quando um homem havia a ‘encoxado’ e esfregado o corpo nela. Ele ainda a teria ameaçado. O homem foi encontrado próximo da vítima e foi preso.

Homem bateu na ex-mulher e na filha

Na noite de domingo (8), às 20h, a Guarda Municipal foi chamada por populares por que um casal estaria brigando na Rua 1.400. Chegando ao local, os guardaram encontraram o casal; a mulher relatou que o seu ex-marido foi até a casa dela para entregar as filhas, e, nesse momento, a agrediu fisicamente. A filha dela, de 11 anos, também teria sido vítima do homem, que recebeu voz de prisão e foi encaminhado à delegacia.

Grupo de Proteção à Mulher

Para fortalecer as ações de combate à violência à mulher, a Guarda Municipal de Balneário Camboriú lança nesta segunda-feira (9) o Grupo de Proteção à Mulher. O objetivo é atender inicialmente cerca de 100 mulheres moradoras da cidade que possuem medida protetiva contra agressores. O Grupo atuará de forma semelhante ao Rede Catarina de Proteção à Mulher, programa da Polícia Militar que também acompanha vítimas com o objetivo de reprimir a aproximação dos agressores.

Denuncie

Se você sabe de alguma mulher que é ou foi vítima de violência ou se você foi/é vítima, ligue para a Polícia Militar (190) ou diretamente para o 180, que é um programa nacional que recebe denúncias de assédio e violência contra a mulher e as encaminha para os órgãos competentes.

Abraço à Mulher

Balneário Camboriú possui o programa Abraço à Mulher que serve de apoio para mulheres vítimas de violência doméstica que residem na cidade. O Abraço atende em regime de plantão 24h pelo telefone (47) 99982-1906, ou das 8h às 18h de segunda a sexta-feira na Rua 2850, nº 303, na Casa da Mulher.

Casa das Anas

Para proteger as suas acolhidas, a Casa das Anas de Balneário Camboriú não divulga o seu endereço. Se você sabe de alguma mulher vítima de violência doméstica que precisa de acolhimento ou se você precisa desse tipo de ajuda, ligue para (47) 99629-9113 ou e-mail adm.sc@vidasrecicladas.org.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade