Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Polícia
Camboriú é alvo de operação contra o crime organizado

Quinta, 12/9/2019 9:08.

Publicidade

Camboriú é uma das nove cidades que está recebendo na manhã de hoje (12) a Operação Remanescentes, da Polícia Civil, que busca prender bandidos paulistas que tentam se estabelecer em Santa Catarina e no Paraná. 17 mandados de prisão preventiva estão sendo cumpridos, além de sete de prisão temporária e 20 mandados de busca e apreensão.

A Polícia Civil informou que desde as 6h de hoje, 120 policiais civis cumprem as ordens judiciais contra integrantes de uma organização criminosa de São Paulo que estão tentando ‘ganhar força’ no sul do país. As buscas acontecem em Camboriú, Florianópolis, Joinville, Navegantes, Lages, Criciúma, Tubarão, Praia Grande e Foz do Iguaçu/PR.

A Operação Remanescentes partiu de investigações da Divisão de Repressão ao Crime Organizado da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DRACO/DEIC) que apura a participação de integrantes da organização criminosa paulista.
Apesar de estarem sendo cumpridos 44 mandados, a DEIC já identificou e indiciou 313 integrantes do grupo. O processo tramita em Florianópolis.

Na atual investigação foram identificados mais 39 integrantes dessa organização criminosa, sendo que 24 estão sendo presos hoje e 15 atuarão como ‘provas’ para outros procedimentos policiais.
Ainda não foi informado quantas prisões aconteceram em cada cidade.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3

Camboriú é alvo de operação contra o crime organizado

Publicidade

Quinta, 12/9/2019 9:08.

Camboriú é uma das nove cidades que está recebendo na manhã de hoje (12) a Operação Remanescentes, da Polícia Civil, que busca prender bandidos paulistas que tentam se estabelecer em Santa Catarina e no Paraná. 17 mandados de prisão preventiva estão sendo cumpridos, além de sete de prisão temporária e 20 mandados de busca e apreensão.

A Polícia Civil informou que desde as 6h de hoje, 120 policiais civis cumprem as ordens judiciais contra integrantes de uma organização criminosa de São Paulo que estão tentando ‘ganhar força’ no sul do país. As buscas acontecem em Camboriú, Florianópolis, Joinville, Navegantes, Lages, Criciúma, Tubarão, Praia Grande e Foz do Iguaçu/PR.

A Operação Remanescentes partiu de investigações da Divisão de Repressão ao Crime Organizado da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DRACO/DEIC) que apura a participação de integrantes da organização criminosa paulista.
Apesar de estarem sendo cumpridos 44 mandados, a DEIC já identificou e indiciou 313 integrantes do grupo. O processo tramita em Florianópolis.

Na atual investigação foram identificados mais 39 integrantes dessa organização criminosa, sendo que 24 estão sendo presos hoje e 15 atuarão como ‘provas’ para outros procedimentos policiais.
Ainda não foi informado quantas prisões aconteceram em cada cidade.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade