Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Polícia
Polícia Civil prende bandidos que assaltavam motoristas de aplicativos

A investigação continua, há mais envolvidos

Quinta, 14/11/2019 11:49.

Publicidade

A Polícia Civil de Balneário Camboriú prendeu ontem (13) dois homens suspeitos de assaltarem motoristas de aplicativos na região. Desde a última semana, cerca de oito motoristas teriam sido vítimas da dupla. As investigações continuam porque há mais envolvidos.

A operação foi comandada pelo Setor de Investigações e Capturas (SIC), após denúncias de oito motoristas que foram assaltados. Eles agiam sempre da mesma forma: uma mulher solicitava a corrida pelos aplicativos Uber ou 99, mas quem ia no carro eram homens, que no trajeto anunciavam o roubo, usando faca ou simulacro - arma de fogo falsa.

Os assaltantes levavam dos motoristas dinheiro e objetos pessoais como celular, e também os carros das vítimas, que posteriormente eram abandonados.

Os policiais conseguiram prender na tarde de ontem J.V.D.S.C., 18 anos, e K.A.Z.B., 19 anos, que estavam na Rua 2.300, e foram flagrados trocando as placas de um Chevrolet/Ônix. Um deles tentou fugir, mas foi capturado e encaminhado junto do companheiro para a delegacia. Algumas das vítimas reconheceram os dois.

A Polícia Civil continua a investigar o caso, porque há mais envolvidos.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3

Polícia Civil prende bandidos que assaltavam motoristas de aplicativos

A investigação continua, há mais envolvidos

Publicidade

Quinta, 14/11/2019 11:49.

A Polícia Civil de Balneário Camboriú prendeu ontem (13) dois homens suspeitos de assaltarem motoristas de aplicativos na região. Desde a última semana, cerca de oito motoristas teriam sido vítimas da dupla. As investigações continuam porque há mais envolvidos.

A operação foi comandada pelo Setor de Investigações e Capturas (SIC), após denúncias de oito motoristas que foram assaltados. Eles agiam sempre da mesma forma: uma mulher solicitava a corrida pelos aplicativos Uber ou 99, mas quem ia no carro eram homens, que no trajeto anunciavam o roubo, usando faca ou simulacro - arma de fogo falsa.

Os assaltantes levavam dos motoristas dinheiro e objetos pessoais como celular, e também os carros das vítimas, que posteriormente eram abandonados.

Os policiais conseguiram prender na tarde de ontem J.V.D.S.C., 18 anos, e K.A.Z.B., 19 anos, que estavam na Rua 2.300, e foram flagrados trocando as placas de um Chevrolet/Ônix. Um deles tentou fugir, mas foi capturado e encaminhado junto do companheiro para a delegacia. Algumas das vítimas reconheceram os dois.

A Polícia Civil continua a investigar o caso, porque há mais envolvidos.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade