Jornal Página 3
Policia
Três dos oito envolvidos no assalto ao aeroporto de Blumenau foram presos
Quarta, 20/3/2019 9:11.

Divulgação PMSC

Publicidade

 A grande movimentação da Polícia Militar nesta terça-feira chamou a atenção e culminou com a prisão de três envolvidos no assalto ao aeroporto de Blumenau, ocorrido na quinta-feira (14). Parte dos R$ 9,8 milhões foi recuperada no Hotel Rocha, que fica na Avenida Sete de Setembro, em Itajaí, mas o valor não foi informado.

Segundo a Polícia Militar, o primeiro homem, Tiago Cristiano Schuster, foi preso nas proximidades da Igreja de São Domingos, em Navegantes, e os outros dois, Ricardo Freitas Filho e Juliano Mocelin da Luz, em Gaspar.

No Hotel Rocha havia parte do valor roubado no aeroporto e itens utilizados no crime, como munições, radiocomunicadores, fardas camufladas, coletes a prova de bala, bananas de dinamite e os malotes onde estava armazenado o dinheiro.

O representante do Bope, capitão Cristofer Tiemann, explicou em coletiva de imprensa que todos os explosivos encontrados durante a operação foram detonados. “Quase 20kg desse material foram encontrados, removemos tudo com segurança, os desativamos e será feito um laudo, que ficará à disposição da Justiça”, disse.

As buscam continuam, principalmente em Itajaí e Balneário Camboriú. Até o momento sabe-se que o crime estava sendo planejado há pelo menos três meses, e que os oito envolvidos utilizaram uma casa no Morro do Baú, em Ilhota, para discutir as ações. ]

Eles também estavam com uma Sprinter, imitando uma ambulância do SAMU, e com carros de luxo com placas clonadas. Ao todo, quatro veículos foram recuperados.

Relembre o crime

Os bandidos, encapuzados, invadiram o aeroporto na tarde de quinta-feira. A ação foi violenta: uma jovem de 22 anos, Edivânia Maria de Oliveira, que trabalhava nas proximidades, foi vítima de bala perdida e faleceu; dois vigilantes da Brinks Logística de Valores, empresa responsável pelos malotes, também ficaram feridos.

Os ladrões utilizaram fuzis AK-47 e inclusive munição antiaérea. A suspeita é que os assaltantes tiveram informações privilegiadas. 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Destaques


Sexto lugar no ranking das 50 cidades catarinenses que mais abriram empresas em 2019


 Uma restauração histórica de fotos aéreas para o primeiro plano diretor do município



 Em 12 meses foram registradas 2,4 infrações desse tipo por hora


 “Afastar a corrupção é o dever de todos”, disse o prefeito


Geral


Economia

Sexto lugar no ranking das 50 cidades catarinenses que mais abriram empresas em 2019


Variedades

 Uma restauração histórica de fotos aéreas para o primeiro plano diretor do município


Variedades


Policia

 Em 12 meses foram registradas 2,4 infrações desse tipo por hora


Política

 “Afastar a corrupção é o dever de todos”, disse o prefeito


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Três dos oito envolvidos no assalto ao aeroporto de Blumenau foram presos

Divulgação PMSC

Publicidade

Quarta, 20/3/2019 9:11.

 A grande movimentação da Polícia Militar nesta terça-feira chamou a atenção e culminou com a prisão de três envolvidos no assalto ao aeroporto de Blumenau, ocorrido na quinta-feira (14). Parte dos R$ 9,8 milhões foi recuperada no Hotel Rocha, que fica na Avenida Sete de Setembro, em Itajaí, mas o valor não foi informado.

Segundo a Polícia Militar, o primeiro homem, Tiago Cristiano Schuster, foi preso nas proximidades da Igreja de São Domingos, em Navegantes, e os outros dois, Ricardo Freitas Filho e Juliano Mocelin da Luz, em Gaspar.

No Hotel Rocha havia parte do valor roubado no aeroporto e itens utilizados no crime, como munições, radiocomunicadores, fardas camufladas, coletes a prova de bala, bananas de dinamite e os malotes onde estava armazenado o dinheiro.

O representante do Bope, capitão Cristofer Tiemann, explicou em coletiva de imprensa que todos os explosivos encontrados durante a operação foram detonados. “Quase 20kg desse material foram encontrados, removemos tudo com segurança, os desativamos e será feito um laudo, que ficará à disposição da Justiça”, disse.

As buscam continuam, principalmente em Itajaí e Balneário Camboriú. Até o momento sabe-se que o crime estava sendo planejado há pelo menos três meses, e que os oito envolvidos utilizaram uma casa no Morro do Baú, em Ilhota, para discutir as ações. ]

Eles também estavam com uma Sprinter, imitando uma ambulância do SAMU, e com carros de luxo com placas clonadas. Ao todo, quatro veículos foram recuperados.

Relembre o crime

Os bandidos, encapuzados, invadiram o aeroporto na tarde de quinta-feira. A ação foi violenta: uma jovem de 22 anos, Edivânia Maria de Oliveira, que trabalhava nas proximidades, foi vítima de bala perdida e faleceu; dois vigilantes da Brinks Logística de Valores, empresa responsável pelos malotes, também ficaram feridos.

Os ladrões utilizaram fuzis AK-47 e inclusive munição antiaérea. A suspeita é que os assaltantes tiveram informações privilegiadas. 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Destaques


Sexto lugar no ranking das 50 cidades catarinenses que mais abriram empresas em 2019


 Uma restauração histórica de fotos aéreas para o primeiro plano diretor do município



 Em 12 meses foram registradas 2,4 infrações desse tipo por hora


 “Afastar a corrupção é o dever de todos”, disse o prefeito