Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Giro policial Balneário Camboriú - confira as prisões das últimas horas
Divulgações/PM
O carro estava com o receptador e possuía registro de furto no Rio Grande do Sul

Quarta, 19/6/2019 9:03.

Receptador de carro furtado

Um homem foi preso pela Polícia Militar de Camboriú, na tarde de ontem (18), pelo crime de receptação. Ele estava circulando pela cidade com um GM/Corsa com placas de Erechim/RS. O carro possuía registro de furto/roubo e supostamente o sujeito o adquiriu do irmão, que reside no Estado vizinho. Mesmo assim, ele foi preso em flagrante.


Jovem foragida é presa em Balneário

Durante a madrugada de hoje (19) policiais militares realizavam rondas pela Quinta Avenida quando, por volta das 2h, viram a jovem P.T.S., 19 anos. Ela estava na rua Campo Erê e já é conhecida da PM por envolvimento com o tráfico de drogas. P.T.S. foi abordada, mas nada de ilegal foi encontrado com ela. Porém, em consulta ao seu nome, os policiais descobriram que ela estava com dois mandados de busca e apreensão. Os crimes aos quais ela responde não foram informados, porém ela já acumulava 25 passagens pela polícia por tráfico de drogas e roubo.


Trocou a placa da moto por uma de carro e foi preso

Um homem foi preso em flagrante, na noite de ontem (18), por estar dirigindo uma motocicleta adulterada na Avenida Martin Luther. Inclusive ele foi flagrado pela Guarda Municipal transitando na contramão. O chassi e a placa apresentavam números diferentes e eram de um carro, além de que o motorista não possuía CNH. Por isso, ele foi encaminhado à delegacia junto com a moto.


Polícia Civil resolve latrocínio contra comerciante de Balneário Camboriú

A Polícia Civil de Balneário Camboriú resolveu na segunda-feira (17) o crime em que o comerciante Mauro Jorge Zan foi vítima, ocorrido em janeiro deste ano. Três homens, entre eles um adolescente, participaram do latrocínio. Dois estão presos e um morreu em confronto com a PM.

Segundo informações da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Balneário, os bandidos envolvidos no crime são Ademir da Rosa, conhecido como ‘Pixa’, Matheus Changay Campos, o ‘Xuxa’ e um adolescente identificado como A.S.N..

Através das investigações, a polícia conseguiu apurar que o trio foi até o estabelecimento de Mauro, a Tenda do Nene, que fica às margens da BR-101, no Bairro Várzea do Ranchinho, com o objetivo de roubar o local. Porém, Mauro reagiu ao crime e acabou morto a tiros. Os disparos teriam sido realizados pelo adolescente. Após o crime o trio fugiu para Barra Velha. Lá, os três cometeram outro roubo, dessa vez em uma agropecuária.

A polícia havia conseguido emitir um mandado de internação provisória contra o adolescente infrator, mas ele acabou morto em um confronto com a Polícia Militar. ‘Pixa’ foi preso em maio, após cometer um roubo em Brusque, e ‘Xuxa’ foi preso em outra operação da DIC, no último dia 7, em Itapema. Ambos foram indiciados pelos crimes de latrocínio e corrupção de menores, cujas penas somadas chegam a 34 anos de prisão. 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Giro policial Balneário Camboriú - confira as prisões das últimas horas

Divulgações/PM
O carro estava com o receptador e possuía registro de furto no Rio Grande do Sul
O carro estava com o receptador e possuía registro de furto no Rio Grande do Sul

Publicidade

Quarta, 19/6/2019 9:03.

Receptador de carro furtado

Um homem foi preso pela Polícia Militar de Camboriú, na tarde de ontem (18), pelo crime de receptação. Ele estava circulando pela cidade com um GM/Corsa com placas de Erechim/RS. O carro possuía registro de furto/roubo e supostamente o sujeito o adquiriu do irmão, que reside no Estado vizinho. Mesmo assim, ele foi preso em flagrante.


Jovem foragida é presa em Balneário

Durante a madrugada de hoje (19) policiais militares realizavam rondas pela Quinta Avenida quando, por volta das 2h, viram a jovem P.T.S., 19 anos. Ela estava na rua Campo Erê e já é conhecida da PM por envolvimento com o tráfico de drogas. P.T.S. foi abordada, mas nada de ilegal foi encontrado com ela. Porém, em consulta ao seu nome, os policiais descobriram que ela estava com dois mandados de busca e apreensão. Os crimes aos quais ela responde não foram informados, porém ela já acumulava 25 passagens pela polícia por tráfico de drogas e roubo.


Trocou a placa da moto por uma de carro e foi preso

Um homem foi preso em flagrante, na noite de ontem (18), por estar dirigindo uma motocicleta adulterada na Avenida Martin Luther. Inclusive ele foi flagrado pela Guarda Municipal transitando na contramão. O chassi e a placa apresentavam números diferentes e eram de um carro, além de que o motorista não possuía CNH. Por isso, ele foi encaminhado à delegacia junto com a moto.


Polícia Civil resolve latrocínio contra comerciante de Balneário Camboriú

A Polícia Civil de Balneário Camboriú resolveu na segunda-feira (17) o crime em que o comerciante Mauro Jorge Zan foi vítima, ocorrido em janeiro deste ano. Três homens, entre eles um adolescente, participaram do latrocínio. Dois estão presos e um morreu em confronto com a PM.

Segundo informações da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Balneário, os bandidos envolvidos no crime são Ademir da Rosa, conhecido como ‘Pixa’, Matheus Changay Campos, o ‘Xuxa’ e um adolescente identificado como A.S.N..

Através das investigações, a polícia conseguiu apurar que o trio foi até o estabelecimento de Mauro, a Tenda do Nene, que fica às margens da BR-101, no Bairro Várzea do Ranchinho, com o objetivo de roubar o local. Porém, Mauro reagiu ao crime e acabou morto a tiros. Os disparos teriam sido realizados pelo adolescente. Após o crime o trio fugiu para Barra Velha. Lá, os três cometeram outro roubo, dessa vez em uma agropecuária.

A polícia havia conseguido emitir um mandado de internação provisória contra o adolescente infrator, mas ele acabou morto em um confronto com a Polícia Militar. ‘Pixa’ foi preso em maio, após cometer um roubo em Brusque, e ‘Xuxa’ foi preso em outra operação da DIC, no último dia 7, em Itapema. Ambos foram indiciados pelos crimes de latrocínio e corrupção de menores, cujas penas somadas chegam a 34 anos de prisão. 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade