Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Polícia
Polícia Civil conclui investigação de tentativa de homicídio em Camboriú

Terça, 16/7/2019 9:47.
Divulgação
A prisão de D.W.N., ocorrida quinta-feira.

Publicidade

A Polícia Civil de Camboriú concluiu ontem (15) o inquérito policial que culminou nas prisões preventivas de D.W.N. e J.S.L.L. pelo crime de tentativa de homicídio, ocorrido na cidade no dia 16 de maio. Há um terceiro envolvido que está foragido.

Segundo a Polícia Civil, as investigações apontaram a participação de três suspeitos que tentaram assassinar um quarto homem, B.S.. D.W.N. e seu colega G.T. participaram diretamente da ação. Eles passaram por B.S. em uma motocicleta e atiraram contra ele, atingindo o pescoço. O mandante do crime seria J.S.L.L., que ordenou a execução de B.S., que era seu ‘desafeto’.

J.S.L.L. foi preso na sexta-feira (12) e D.W.N. na quinta-feira (11), em Camboriú. O suspeito G.T., que estava com D.W.N. no momento do crime, ainda não foi localizado. As buscas por ele continuam.

A Polícia pede que a população colabore com informações e denúncias através do telefone 3398-6390 ou ligando 181. O sigilo é garantido.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação
A prisão de D.W.N., ocorrida quinta-feira.
A prisão de D.W.N., ocorrida quinta-feira.

Polícia Civil conclui investigação de tentativa de homicídio em Camboriú

Publicidade

Terça, 16/7/2019 9:47.

A Polícia Civil de Camboriú concluiu ontem (15) o inquérito policial que culminou nas prisões preventivas de D.W.N. e J.S.L.L. pelo crime de tentativa de homicídio, ocorrido na cidade no dia 16 de maio. Há um terceiro envolvido que está foragido.

Segundo a Polícia Civil, as investigações apontaram a participação de três suspeitos que tentaram assassinar um quarto homem, B.S.. D.W.N. e seu colega G.T. participaram diretamente da ação. Eles passaram por B.S. em uma motocicleta e atiraram contra ele, atingindo o pescoço. O mandante do crime seria J.S.L.L., que ordenou a execução de B.S., que era seu ‘desafeto’.

J.S.L.L. foi preso na sexta-feira (12) e D.W.N. na quinta-feira (11), em Camboriú. O suspeito G.T., que estava com D.W.N. no momento do crime, ainda não foi localizado. As buscas por ele continuam.

A Polícia pede que a população colabore com informações e denúncias através do telefone 3398-6390 ou ligando 181. O sigilo é garantido.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade