Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

PM planeja resposta ao avanço da criminalidade na região
Foram oito homicídios só neste ano, dois nos últimos dois dias

Quinta, 12/4/2018 17:03.

Só nesta semana dois homicídios ocorreram em Camboriú, o que elevou para oito o número de assassinatos na cidade vizinha. A Polícia Militar planeja uma resposta ao avanço da criminalidade.

Em todo o ano passado, Camboriú registrou 28 homicídios. Como já foram oito casos nos primeiros quatro meses de 2018, se a cidade continuar nesse ritmo poderá superar o quadro de violência de 2017. Para evitar isso, a Polícia Militar da região planeja uma resposta imediata.

O capitão Tiago Teixeira Ghilardi, comandante da PM de Camboriú, informou que neste primeiro momento a companhia contará com apoio de policiais de Balneário Camboriú.

A decisão foi tomada em reunião dos oficiais, capitaneada pelo comandante do 12º Batalhão Evaldo Hoffmann, nesta quinta-feira.

O passo seguinte será procurar o Comando Geral em Florianópolis, para requisitar apoio de mais policiais. O efetivo de Camboriú conta com 57 homens.

Uma operação presença será realizada no Bairro Monte Alegre, foco dos últimos casos registrados.

Segundo Ghilardi, os números em Camboriú vinham sendo considerados normais, mas os últimos acontecimentos mudaram a situação.

Nos dois homicídios desta semana (leia aqui e aqui), as vítimas tinhas antecedentes criminais e envolvimento com o tráfico de drogas. Há indícios que a presença de organizações criminosas também tenha se refletido no avanço da criminalidade.

As duas execuções tiveram características semelhantes e chamaram atenção pela ousadia dos autores. Ambos os assassinatos aconteceram durante o dia, em locais públicos, com uso de armas de fogo.

Na próxima semana novas ações serão planejadas e executadas pelo comando da polícia.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

PM planeja resposta ao avanço da criminalidade na região

Foram oito homicídios só neste ano, dois nos últimos dois dias
Foram oito homicídios só neste ano, dois nos últimos dois dias
Quinta, 12/4/2018 17:03.

Só nesta semana dois homicídios ocorreram em Camboriú, o que elevou para oito o número de assassinatos na cidade vizinha. A Polícia Militar planeja uma resposta ao avanço da criminalidade.

Em todo o ano passado, Camboriú registrou 28 homicídios. Como já foram oito casos nos primeiros quatro meses de 2018, se a cidade continuar nesse ritmo poderá superar o quadro de violência de 2017. Para evitar isso, a Polícia Militar da região planeja uma resposta imediata.

O capitão Tiago Teixeira Ghilardi, comandante da PM de Camboriú, informou que neste primeiro momento a companhia contará com apoio de policiais de Balneário Camboriú.

A decisão foi tomada em reunião dos oficiais, capitaneada pelo comandante do 12º Batalhão Evaldo Hoffmann, nesta quinta-feira.

O passo seguinte será procurar o Comando Geral em Florianópolis, para requisitar apoio de mais policiais. O efetivo de Camboriú conta com 57 homens.

Uma operação presença será realizada no Bairro Monte Alegre, foco dos últimos casos registrados.

Segundo Ghilardi, os números em Camboriú vinham sendo considerados normais, mas os últimos acontecimentos mudaram a situação.

Nos dois homicídios desta semana (leia aqui e aqui), as vítimas tinhas antecedentes criminais e envolvimento com o tráfico de drogas. Há indícios que a presença de organizações criminosas também tenha se refletido no avanço da criminalidade.

As duas execuções tiveram características semelhantes e chamaram atenção pela ousadia dos autores. Ambos os assassinatos aconteceram durante o dia, em locais públicos, com uso de armas de fogo.

Na próxima semana novas ações serão planejadas e executadas pelo comando da polícia.

 

Publicidade

Publicidade