Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Homem foi preso circulando com pistola em Balneário Camboriú

Sexta, 27/1/2017 10:46.

Um homem de 29 anos foi preso no fim da tarde de ontem (26) com R$ 45 mil e arma de fogo, na Rua Dom Daniel, no Bairro Vila Real, em Balneário Camboriú. Ele responde uma acusação de homicídio.

Os policiais foram informados por uma denúncia anônima que Roberto Radzikowski estava andado armado em Balneário Camboriú.

Após investigações, ele foi encontrado e os militarem passaram a monitorá-lo. Em certo momento, os PMs decidiram abordá-lo. Ele estava em um veículo com placas de Maringá-PR.

Os policiais perguntaram se havia drogas ou arma de fogo com ele ou se ele possuía alguma passagem criminal. Roberto respondeu que estava armado com uma pistola.

Em revista pessoal foi encontrada a arma e 20 munições, além de R$ 5.848,00 em dinheiro e mais três cheques com valores de R$30 mil, R$8.210,00 e R$900,00, valores que o abordado não soube informar a procedência de forma convincente.

Roberto foi preso por porte ilegal de arma de fogo.

Em junho de 2015 ele foi preso acusado de matar Anderson Luís Batista Tomaz, 33 anos, em novembro de 2014. Anderson foi baleado nove vezes em frente a um bar na Terceira Avenida, no Centro de Balneário.

Na época o suspeito conseguiu fugir, mas após investigações foi preso e respondia à acusação em liberdade.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Cidade

O acordo põe fim a anos de insegurança e desgaste jurídico


Cidade

Sem a colaboração da população não existe medida que dê jeito


Cidade

Isso explica a redução drástica do nível na captação


Geral

É o terceiro município mais transparente de Santa Catarina


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Homem foi preso circulando com pistola em Balneário Camboriú

Sexta, 27/1/2017 10:46.

Um homem de 29 anos foi preso no fim da tarde de ontem (26) com R$ 45 mil e arma de fogo, na Rua Dom Daniel, no Bairro Vila Real, em Balneário Camboriú. Ele responde uma acusação de homicídio.

Os policiais foram informados por uma denúncia anônima que Roberto Radzikowski estava andado armado em Balneário Camboriú.

Após investigações, ele foi encontrado e os militarem passaram a monitorá-lo. Em certo momento, os PMs decidiram abordá-lo. Ele estava em um veículo com placas de Maringá-PR.

Os policiais perguntaram se havia drogas ou arma de fogo com ele ou se ele possuía alguma passagem criminal. Roberto respondeu que estava armado com uma pistola.

Em revista pessoal foi encontrada a arma e 20 munições, além de R$ 5.848,00 em dinheiro e mais três cheques com valores de R$30 mil, R$8.210,00 e R$900,00, valores que o abordado não soube informar a procedência de forma convincente.

Roberto foi preso por porte ilegal de arma de fogo.

Em junho de 2015 ele foi preso acusado de matar Anderson Luís Batista Tomaz, 33 anos, em novembro de 2014. Anderson foi baleado nove vezes em frente a um bar na Terceira Avenida, no Centro de Balneário.

Na época o suspeito conseguiu fugir, mas após investigações foi preso e respondia à acusação em liberdade.

Publicidade

Publicidade