Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Corpo de adolescente grávida estava enterrado no Pico da Pedra
DIC

Terça, 7/2/2017 9:14.

A adolescente Miriam Vanessa da Silva, 15 anos, de Camboriú, estava desaparecida desde início de julho do último ano. Na noite da última sexta-feira (3) o corpo dela foi encontrado em uma trilha secundária no início da subida do Pico da Pedra, no Bairro Rio Pequeno, também em Camboriú.

Segundo informações da Divisão de Investigação Criminal de Balneário Camboriú (DIC), responsável pelo caso, o corpo da vítima estava em avançado estado de decomposição. O local onde Miriam foi enterrada é de mata fechada e terreno íngreme. O acusado de ter matado a garota e escondido o corpo dela é um jovem de 21 anos, de quem Miriam estava grávida. Ele confessou a autoria do crime e indicou o local aonde havia enterrado a garota.

O motivo para o jovem ter assassinado Miriam é que ele era casado e a adolescente seria um caso extraconjugal. A esposa dele, de 19 anos, teria ficado sabendo de tudo e então ordenado o crime. Ambos foram presos na última semana.

A polícia informou ainda que o corpo deve demorar a ser liberado para o enterro, já que pelo estado avançado de decomposição será preciso realizar exame de DNA para confirmar se realmente é Miriam. Através de exames, também será investigado de que forma a garota foi morta.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Corpo de adolescente grávida estava enterrado no Pico da Pedra

DIC
Terça, 7/2/2017 9:14.

A adolescente Miriam Vanessa da Silva, 15 anos, de Camboriú, estava desaparecida desde início de julho do último ano. Na noite da última sexta-feira (3) o corpo dela foi encontrado em uma trilha secundária no início da subida do Pico da Pedra, no Bairro Rio Pequeno, também em Camboriú.

Segundo informações da Divisão de Investigação Criminal de Balneário Camboriú (DIC), responsável pelo caso, o corpo da vítima estava em avançado estado de decomposição. O local onde Miriam foi enterrada é de mata fechada e terreno íngreme. O acusado de ter matado a garota e escondido o corpo dela é um jovem de 21 anos, de quem Miriam estava grávida. Ele confessou a autoria do crime e indicou o local aonde havia enterrado a garota.

O motivo para o jovem ter assassinado Miriam é que ele era casado e a adolescente seria um caso extraconjugal. A esposa dele, de 19 anos, teria ficado sabendo de tudo e então ordenado o crime. Ambos foram presos na última semana.

A polícia informou ainda que o corpo deve demorar a ser liberado para o enterro, já que pelo estado avançado de decomposição será preciso realizar exame de DNA para confirmar se realmente é Miriam. Através de exames, também será investigado de que forma a garota foi morta.

Publicidade

Publicidade