Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Ameaçou matar a esposa e foi parar na cadeia

Quinta, 3/11/2016 9:00.

Um homem de 25 anos foi preso na terça-feira (1º) por ameaçar matar a esposa, na Rua Dom Luiz, no Bairro Vila Real, em Balneário Camboriú. A vítima possuía um mandado judicial de proteção contra o sujeito, mas ele o desrespeitou.

Segundo informações da Polícia Militar, vizinhos chamaram a polícia porque estaria acontecendo uma briga de casal. No local, o suposto agressor foi encontrado, já contido por populares que haviam presenciado a cena.

Os militares conversaram com a vítima, mulher do sujeito. Ela informou que ele chegou na casa dela bastante alterado e disse que ia matá-la. Vale ressaltar que na segunda-feira (31) ele já havia quebrado a motocicleta dela e a ameaçado pela primeira vez. A mulher possuía uma medida protetiva contra o agressor, mas ele desrespeitou a ordem judicial.

O homem foi preso, porque a vítima representou contra ele. Ele já possuía 28 passagens pela polícia por crimes como lesão corporal dolosa contra mulher, perturbação do trabalho ou sossego alheio, desobediência a ordem judicial, ameaça contra mulher, lesão corporal dolosa contra menor, posse de drogas, porte ilegal de acessório e/ou munição de uso permitido e tráfico de drogas.

Mulheres na mira

Só neste ano cerca de 280 mulheres foram vítimas de crimes em Balneário Camboriú. Leia mais aqui.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Ameaçou matar a esposa e foi parar na cadeia

Quinta, 3/11/2016 9:00.

Um homem de 25 anos foi preso na terça-feira (1º) por ameaçar matar a esposa, na Rua Dom Luiz, no Bairro Vila Real, em Balneário Camboriú. A vítima possuía um mandado judicial de proteção contra o sujeito, mas ele o desrespeitou.

Segundo informações da Polícia Militar, vizinhos chamaram a polícia porque estaria acontecendo uma briga de casal. No local, o suposto agressor foi encontrado, já contido por populares que haviam presenciado a cena.

Os militares conversaram com a vítima, mulher do sujeito. Ela informou que ele chegou na casa dela bastante alterado e disse que ia matá-la. Vale ressaltar que na segunda-feira (31) ele já havia quebrado a motocicleta dela e a ameaçado pela primeira vez. A mulher possuía uma medida protetiva contra o agressor, mas ele desrespeitou a ordem judicial.

O homem foi preso, porque a vítima representou contra ele. Ele já possuía 28 passagens pela polícia por crimes como lesão corporal dolosa contra mulher, perturbação do trabalho ou sossego alheio, desobediência a ordem judicial, ameaça contra mulher, lesão corporal dolosa contra menor, posse de drogas, porte ilegal de acessório e/ou munição de uso permitido e tráfico de drogas.

Mulheres na mira

Só neste ano cerca de 280 mulheres foram vítimas de crimes em Balneário Camboriú. Leia mais aqui.

Publicidade

Publicidade