Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Ex-prefeito de Itapema é preso
Youtube

Segunda, 21/11/2016 9:12.

O ex-prefeito de Itapema, Clóvis José da Rocha, foi preso na manhã de sábado (19), em Porto Belo. Ele responde por vários processos de crimes de concussão.

Segundo informações da Polícia Civil de Porto Belo, foi cumprido um mandado de prisão de sentença definitiva contra o ex-prefeito. Clóvis foi encontrado na BR-101, enquanto ia para Tijucas em um Volkswagen/Jetta.

Ele foi abordado nas proximidades do pedágio que há no local e recebeu voz de prisão. O político foi encaminhado à delegacia de Itapema e posteriormente para a Unidade Prisional Avançada (UPA) da cidade, onde fica à disposição da Justiça.

Clóvis foi condenado em vários processos por crimes de concussão, nos quais teria exigido vantagem indevida de seu cargo público para si mesmo ou para outra pessoa. Ele foi acusado pelo Ministério Público de ter desviado R$ 730 mil da prefeitura em 2003.

Clóvis terá que cumprir sete anos, um mês e 26 dias de reclusão em regime inicialmente semiaberto.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Cidade

Temporada de cruzeiros para nós começará no dia 28 de novembro


Cidade

Medida que “engessa” o governo é cautelar até apresentação de explicações


Educação

Intenção é expandir o sistema no futuro


Policia

Ele disse que foi humilhado e teve os direitos cerceados


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Ex-prefeito de Itapema é preso

Youtube
Segunda, 21/11/2016 9:12.

O ex-prefeito de Itapema, Clóvis José da Rocha, foi preso na manhã de sábado (19), em Porto Belo. Ele responde por vários processos de crimes de concussão.

Segundo informações da Polícia Civil de Porto Belo, foi cumprido um mandado de prisão de sentença definitiva contra o ex-prefeito. Clóvis foi encontrado na BR-101, enquanto ia para Tijucas em um Volkswagen/Jetta.

Ele foi abordado nas proximidades do pedágio que há no local e recebeu voz de prisão. O político foi encaminhado à delegacia de Itapema e posteriormente para a Unidade Prisional Avançada (UPA) da cidade, onde fica à disposição da Justiça.

Clóvis foi condenado em vários processos por crimes de concussão, nos quais teria exigido vantagem indevida de seu cargo público para si mesmo ou para outra pessoa. Ele foi acusado pelo Ministério Público de ter desviado R$ 730 mil da prefeitura em 2003.

Clóvis terá que cumprir sete anos, um mês e 26 dias de reclusão em regime inicialmente semiaberto.

Publicidade

Publicidade