Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Curso para formação de novos policiais militares começa em junho

Sexta, 6/5/2016 9:33.

Balneário Camboriú será uma das cidades responsáveis pela formação de novos soldados da Polícia Militar a partir de junho. Esta semana 711 candidatos aprovados no concurso do ano passado foram convocados pelo Governo do Estado. Em Balneário serão formados 60 soldados. A distribuição desses futuros policiais, no entanto, dependerá de decisão futura do Comando.

O curso leva em média nove meses, portanto, esses novos policiais devem ir para as ruas só a partir do próximo ano.

O efetivo da PM vem sendo defasado há anos por falta de recomposição. Em alguns municípios, como aqui, o Ministério Público chegou a ingressar com ações solicitando a recomposição dos efetivos devido às deficiências estruturais. O Batalhão de Balneário possui hoje 140 policiais, mas já chegou a ter mais de 200.

Conforme o Governo do Estado, as convocações vão substituir, em parte, alguns policiais que estão indo para a reserva. “É uma convocação extremamente vital para a PM. Era uma expectativa muito grande na contratação desses novos policiais”, destacou o coronel Erzinger.

Batalhões de várias cidades ficarão responsáveis pela formação. No Centro de Formação em Florianópolis serão designados 381 soldados e nos municípios de Balneário Camboriú, Blumenau, Chapecó, Criciúma e Joinville recebem, cada um, 60 servidores e em Lages serão 30.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Curso para formação de novos policiais militares começa em junho

Sexta, 6/5/2016 9:33.

Balneário Camboriú será uma das cidades responsáveis pela formação de novos soldados da Polícia Militar a partir de junho. Esta semana 711 candidatos aprovados no concurso do ano passado foram convocados pelo Governo do Estado. Em Balneário serão formados 60 soldados. A distribuição desses futuros policiais, no entanto, dependerá de decisão futura do Comando.

O curso leva em média nove meses, portanto, esses novos policiais devem ir para as ruas só a partir do próximo ano.

O efetivo da PM vem sendo defasado há anos por falta de recomposição. Em alguns municípios, como aqui, o Ministério Público chegou a ingressar com ações solicitando a recomposição dos efetivos devido às deficiências estruturais. O Batalhão de Balneário possui hoje 140 policiais, mas já chegou a ter mais de 200.

Conforme o Governo do Estado, as convocações vão substituir, em parte, alguns policiais que estão indo para a reserva. “É uma convocação extremamente vital para a PM. Era uma expectativa muito grande na contratação desses novos policiais”, destacou o coronel Erzinger.

Batalhões de várias cidades ficarão responsáveis pela formação. No Centro de Formação em Florianópolis serão designados 381 soldados e nos municípios de Balneário Camboriú, Blumenau, Chapecó, Criciúma e Joinville recebem, cada um, 60 servidores e em Lages serão 30.

 

Publicidade

Publicidade