Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Amigo do peito: homem vende câmera de colega para comprar crack

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Quarta, 1/6/2016 9:19.

Um homem de 31 anos foi preso, na manhã de terça-feira (31), em Balneário Camboriú, por vender a câmera profissional de um amigo para sustentar seu vício em drogas.

Segundo informações da assessoria da Polícia Militar, PMs foram chamados para irem até o Hospital Municipal Ruth Cardoso, onde conversaram com a vítima. Ela contou que seu amigo lhe pediu sua câmera profissional (valor aproximado de R$ 7 mil) emprestada para tirar fotos de sua filha que acabara de nascer.

A câmera foi emprestada, porém, no momento em que foi pedir o objeto de volta, seu conhecido informou tê-la vendido, sem sua permissão, por R$ 150. Ele é usuário de crack e queria comprar pedras.

O autor foi encontrado e confirmou o ocorrido e informou que havia vendido a câmera para um moto taxista que trabalha nas proximidades da Avenida Santa Catarina, no Bairro dos Estados.

Os policiais foram até o local indicado e conseguiram encontrar o comprador, que devolveu a câmera ao real proprietário. O ‘amigo’ foi preso por apropriação indébita e o moto taxista por receptação.

Essa não foi a única ocorrência envolvendo taxistas em Balneário nos últimos dias. No final de semana dois taxistas foram flagrados disputando um racha na Avenida Brasil.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Cidade

As pessoas que tornaram mais conhecido o nome da cidade, aqui em formato digital 


Esportes

Atletismo masculino chegou ao título com 7 medalhas de ouro, uma prata e cinco bronzes.


Brasil

 Profrota Pesqueira consumiu R$ 1 bilhão se renovar a frota


Cidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade