Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Saiba como vai ser a Operação Veraneio em Balneário Camboriú
Renata Rutes

Sexta, 9/12/2016 10:09.

Com a proximidade do verão, inicia-se também a Operação Veraneio. As forças da segurança já estão se preparando para a temporada, que em Balneário Camboriú promete um aumento de 15 a 20% de turistas em relação ao ano passado. A parte operacional inicia no dia 22 e segue até 06 de março de 2017. Na formatura dos guarda-vidas que atuarão na região, ocorrida ontem (8), na Praia Central, os comandantes das forças de segurança adiantaram alguns detalhes.

Nas praias

Ao todo atuarão 128 guarda-vidas nos 13 postos ativos em Balneário Camboriú, considerando a Praia Central e as Agrestes. São 120 guarda-vidas civis, sendo 37 recém-formados e atuando pela primeira vez, mais oito militares. O helicóptero Arcanjo também estará na cidade, a exemplo do último verão.

“Estamos preparados tanto em pessoal quanto em material. Uma novidade é que utilizaremos bicicletas para fazer rondas e conseguir chegar mais rapidamente até as vítimas, já que por conta do trânsito às vezes demora para a ambulância chegar”, diz o tenente-coronel Eduardo Haroldo de Lima (direita), comandante do Corpo de Bombeiros de Balneário.

Polícia Militar

Ainda não foi anunciado oficialmente o número de policiais que virão para reforçar o efetivo da Polícia Militar de Balneário Camboriú. Porém, o comandante do 12º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Balneário, Evaldo Hoffmann, diz esperar mais de 103 (número do último verão).

“Essa foi a promessa do comando geral e estamos contando com isso. Nossa ideia é aumentar as barreiras em entradas e saídas da cidade e reforçar a presença policial na Rodovia Interprais e nos bairros, não ficando apenas nas avenidas Brasil e Atlântica” conta.

Outra ação que a PM está articulando é nas casas noturnas da cidade, nas entradas e saídas, focando na Lei Seca. “Faremos operações em conjunto com a Guarda Municipal, Bombeiros e Polícia Civil também, inclusive já estamos discutindo o Réveillon, que é o auge da nossa temporada”, acrescenta.

Hoffmann comenta que as principais ocorrências atendidas durante o verão são as de menor potencial, como furtos, posse de drogas, abordagens a pessoas suspeitas e principalmente perturbação do sossego alheio. “Um local que é alvo de denúncias constantes nessa época do ano é o Calçadão da Avenida Central, onde iremos fortalecer nossas rondas”, diz. A PM também utilizará com mais frequência os quadriciclos na areia da praia e reforçará a bike patrulha.

Saiba mais

A Secretaria de Segurança Pública do Estado investiu mais de R$ 26 milhões na Operação deste ano em Santa Catarina, utilizados no pagamento de diárias para os policiais transferidos de sua base para o litoral, alimentação e pagamento dos guarda-vidas civis. 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Cidade

ATUALIZADO às 7h de 15/12/2018.


Cidade

Balneário Camboriú passa a ser a cidade brasileira com mais bandeiras azuis


Justiça

Ele considera ilegal a lei municipal que permitiu o empreendimento 


Rapidinhas


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Saiba como vai ser a Operação Veraneio em Balneário Camboriú

Renata Rutes
Sexta, 9/12/2016 10:09.

Com a proximidade do verão, inicia-se também a Operação Veraneio. As forças da segurança já estão se preparando para a temporada, que em Balneário Camboriú promete um aumento de 15 a 20% de turistas em relação ao ano passado. A parte operacional inicia no dia 22 e segue até 06 de março de 2017. Na formatura dos guarda-vidas que atuarão na região, ocorrida ontem (8), na Praia Central, os comandantes das forças de segurança adiantaram alguns detalhes.

Nas praias

Ao todo atuarão 128 guarda-vidas nos 13 postos ativos em Balneário Camboriú, considerando a Praia Central e as Agrestes. São 120 guarda-vidas civis, sendo 37 recém-formados e atuando pela primeira vez, mais oito militares. O helicóptero Arcanjo também estará na cidade, a exemplo do último verão.

“Estamos preparados tanto em pessoal quanto em material. Uma novidade é que utilizaremos bicicletas para fazer rondas e conseguir chegar mais rapidamente até as vítimas, já que por conta do trânsito às vezes demora para a ambulância chegar”, diz o tenente-coronel Eduardo Haroldo de Lima (direita), comandante do Corpo de Bombeiros de Balneário.

Polícia Militar

Ainda não foi anunciado oficialmente o número de policiais que virão para reforçar o efetivo da Polícia Militar de Balneário Camboriú. Porém, o comandante do 12º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Balneário, Evaldo Hoffmann, diz esperar mais de 103 (número do último verão).

“Essa foi a promessa do comando geral e estamos contando com isso. Nossa ideia é aumentar as barreiras em entradas e saídas da cidade e reforçar a presença policial na Rodovia Interprais e nos bairros, não ficando apenas nas avenidas Brasil e Atlântica” conta.

Outra ação que a PM está articulando é nas casas noturnas da cidade, nas entradas e saídas, focando na Lei Seca. “Faremos operações em conjunto com a Guarda Municipal, Bombeiros e Polícia Civil também, inclusive já estamos discutindo o Réveillon, que é o auge da nossa temporada”, acrescenta.

Hoffmann comenta que as principais ocorrências atendidas durante o verão são as de menor potencial, como furtos, posse de drogas, abordagens a pessoas suspeitas e principalmente perturbação do sossego alheio. “Um local que é alvo de denúncias constantes nessa época do ano é o Calçadão da Avenida Central, onde iremos fortalecer nossas rondas”, diz. A PM também utilizará com mais frequência os quadriciclos na areia da praia e reforçará a bike patrulha.

Saiba mais

A Secretaria de Segurança Pública do Estado investiu mais de R$ 26 milhões na Operação deste ano em Santa Catarina, utilizados no pagamento de diárias para os policiais transferidos de sua base para o litoral, alimentação e pagamento dos guarda-vidas civis. 

Publicidade

Publicidade