Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Mataram dois irmãos em menos de um mês em Camboriú

Quarta, 21/12/2016 9:30.

Aliffer de Sena Merretti, de 16 anos, foi morto a tiros no fim da noite de segunda-feira (19), na Rua Monte Caraíba coma a Monte Serra Fina, no Bairro Monte Alegre, em Camboriú. O irmão da vítima, conhecido como Lekão, havia sido morto da mesma forma no dia 2 deste mês.

Segundo informações da Polícia Militar, corpo de Aliffer foi encontrado caído no meio da rua.

Populares que presenciaram o crime informaram que o atirador estava em uma motocicleta. Ele passou por Aliffer e atirou contra ele.

Aliffer era conhecido da polícia por cometer atos infracionais. Ele já tinha passagens por receptação, roubo, tráfico, associação criminosa, porte ilegal de munição ou acessório, desobediência, posse de drogas e furto.

A Polícia Civil investiga o crime.

Situação preocupante

Aliffer foi a quarta vítima assassinada em Camboriú neste mês. Além dele foi morto também Alexsandro de Jesus Merretti, 18 anos, conhecido como ‘Lekão’; Edenilson Farias Chaves, 28 anos; e Jucelito Roque Felício, 46 anos.

Em Balneário Camboriú a situação está mais tranquila. A cidade registrou três homicídios até o momento e dois encontros de cadáveres (vítimas que já estavam mortas e que possivelmente foram assassinadas, mas que não entram na lista oficial de homicídios). No entanto, é preocupante a criminalidade estar controlada em Balneário Camboriú e a 2km de distância não.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Mataram dois irmãos em menos de um mês em Camboriú

Quarta, 21/12/2016 9:30.

Aliffer de Sena Merretti, de 16 anos, foi morto a tiros no fim da noite de segunda-feira (19), na Rua Monte Caraíba coma a Monte Serra Fina, no Bairro Monte Alegre, em Camboriú. O irmão da vítima, conhecido como Lekão, havia sido morto da mesma forma no dia 2 deste mês.

Segundo informações da Polícia Militar, corpo de Aliffer foi encontrado caído no meio da rua.

Populares que presenciaram o crime informaram que o atirador estava em uma motocicleta. Ele passou por Aliffer e atirou contra ele.

Aliffer era conhecido da polícia por cometer atos infracionais. Ele já tinha passagens por receptação, roubo, tráfico, associação criminosa, porte ilegal de munição ou acessório, desobediência, posse de drogas e furto.

A Polícia Civil investiga o crime.

Situação preocupante

Aliffer foi a quarta vítima assassinada em Camboriú neste mês. Além dele foi morto também Alexsandro de Jesus Merretti, 18 anos, conhecido como ‘Lekão’; Edenilson Farias Chaves, 28 anos; e Jucelito Roque Felício, 46 anos.

Em Balneário Camboriú a situação está mais tranquila. A cidade registrou três homicídios até o momento e dois encontros de cadáveres (vítimas que já estavam mortas e que possivelmente foram assassinadas, mas que não entram na lista oficial de homicídios). No entanto, é preocupante a criminalidade estar controlada em Balneário Camboriú e a 2km de distância não.

Publicidade

Publicidade