Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Opinião
A Lixeirinha - 142° da Quarentena: entregando a Obra. Inauguração Virtual da Lixeirinha

Por Hélvion Ribeiro

Terça, 11/8/2020 13:54.
Ieda Ribeiro
O construtor e sua obra

Publicidade

Depois de 25 dias de trabalho duro e cerca de 200 horas de serviço solitário, terminei a Lixeirinha. Foi inaugurada virtualmente, às 10 horas no dia de 8 de Agosto, que amanheceu gelado, com geada e 0°C .

Está localizada na charmosa Vila de São Pedro (82 moradores), na exótica Urubici, no pé dos Alpes Catarinenses.

A Lixeirinha é um obra privada, em terreno privado, na divisa com a estrada municipal de chão batido, sendo uma contribuição voluntária para benefício comunitário.

É o primeiro passo de um processo inspirado na Teoria da Janela Quebrada, desenvolvida em Chicago e aplicada em Nova York, que diz que quando uma janela está quebrada e não for logo reparada, a tendência é alguém jogar uma pedra para quebrar outras janelas, e que se um saco de lixo está jogado no chão, é provável que outros apareçam, numa visão de que aqui ‘ninguém se importa’. Sendo que, ‘Desordem gera desordem’.

Também é uma homenagem a amigos e amigas, que trabalham pelo desenvolvimento e sustentabilidade.

No primeiro momento, todos os nossos vizinhos manifestam espontaneamente a disposição de colaborar.

Antes havia uma lixeira instalada, pela prefeitura, de madeira, e que depois do uso por muitos anos, ficou deteriorada. Uma placa frontal na obra, inspirada em uma que vi, caminhando na praia de Punta Del Este, traz a mensagem:

“Não esperamos...Que você limpe...Só pedimos...Que você não suje”.

A Lixeirinha é para ser uma coisa boa, para ajudar.

Muitos de nós, cada um do seu jeito, vem dando sua contribuição nestes tempos difíceis de pandemia.

Penso - até prova em contrário - que esta é a Lixeirinha mais bonita do Brasil.


Hélvion Ribeiro é dentista aposentado e hoje divide seu tempo entre Balneário Camboriú e Uribici


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Ieda Ribeiro
 O construtor e sua obra
O construtor e sua obra

A Lixeirinha - 142° da Quarentena: entregando a Obra. Inauguração Virtual da Lixeirinha

Por Hélvion Ribeiro

Publicidade

Terça, 11/8/2020 13:54.

Depois de 25 dias de trabalho duro e cerca de 200 horas de serviço solitário, terminei a Lixeirinha. Foi inaugurada virtualmente, às 10 horas no dia de 8 de Agosto, que amanheceu gelado, com geada e 0°C .

Está localizada na charmosa Vila de São Pedro (82 moradores), na exótica Urubici, no pé dos Alpes Catarinenses.

A Lixeirinha é um obra privada, em terreno privado, na divisa com a estrada municipal de chão batido, sendo uma contribuição voluntária para benefício comunitário.

É o primeiro passo de um processo inspirado na Teoria da Janela Quebrada, desenvolvida em Chicago e aplicada em Nova York, que diz que quando uma janela está quebrada e não for logo reparada, a tendência é alguém jogar uma pedra para quebrar outras janelas, e que se um saco de lixo está jogado no chão, é provável que outros apareçam, numa visão de que aqui ‘ninguém se importa’. Sendo que, ‘Desordem gera desordem’.

Também é uma homenagem a amigos e amigas, que trabalham pelo desenvolvimento e sustentabilidade.

No primeiro momento, todos os nossos vizinhos manifestam espontaneamente a disposição de colaborar.

Antes havia uma lixeira instalada, pela prefeitura, de madeira, e que depois do uso por muitos anos, ficou deteriorada. Uma placa frontal na obra, inspirada em uma que vi, caminhando na praia de Punta Del Este, traz a mensagem:

“Não esperamos...Que você limpe...Só pedimos...Que você não suje”.

A Lixeirinha é para ser uma coisa boa, para ajudar.

Muitos de nós, cada um do seu jeito, vem dando sua contribuição nestes tempos difíceis de pandemia.

Penso - até prova em contrário - que esta é a Lixeirinha mais bonita do Brasil.


Hélvion Ribeiro é dentista aposentado e hoje divide seu tempo entre Balneário Camboriú e Uribici


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade