Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Meio Ambiente
Elefante marinho é visto em Balneário Camboriú nesta segunda

Segunda, 13/7/2020 13:15.

Publicidade

Um elefante marinho foi visto em Balneário Camboriú na manhã desta segunda-feira (13), mas há informações de que o animal está na região pelo menos desde domingo (12). Ele será monitorado pela Univali e por veterinários, mas aparentemente está bem de saúde. A expectativa é que ele continue pela região nos próximos dias. O animal é selvagem e pode ser perigoso, por isso o público não deve tentar tocar ou ter qualquer contato físico com ele.

O animal foi filmado por moradores de Balneário e região e estava deitado na areia na Praia do Buraco, onde guardas municipais ambientais e agentes de trânsito isolaram a área, já que populares estavam indo até lá para tentar vê-lo, mas ele já retornou para a água.

Há informações de que o elefante já visitou a Praia Brava e também o Pontal Norte de Balneário, na praia central. Ele aparentemente está descansando e parece estar bem de saúde, mas há uma linha nas proximidades da boca e do nariz dele. A Univali e veterinários estão monitorando e pretendem atendê-lo para verificar como ele está e tentar retirar a linha.

Univali monitora elefante

A Univali, por meio do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS), recebeu a ocorrência de um elefante marinho vivo na Praia do Buraco, em Balneário Camboriú (SC), na manhã desta segunda-feira (13).

A equipe técnica está no local para realizar a avaliação do animal, que é um macho sub-adulto. Mais informações serão repassadas após o atendimento veterinário.

O elefante marinho faz parte da superfamília dos Pinípedes, espécies que migram anualmente para a costa brasileira. Os Pinípedes habitam tanto o ambiente marinho como costeiro, por isso muitas vezes são avistados descansando no costão rochoso ou na faixa de areia.

Essa pausa para descanso é saudável, normal e deve ser estimulada. Por isso é importante manter pessoas e animais domésticos distantes do animal, que pode ser agressivo quando há interação humana.

Respeitar o isolamento e manter a distância é fundamental para não estressar o animal. A interferência negativa pode impactar o comportamento natural da espécie e causar queda na imunidade.

➡️ O PMP-BS é uma atividade desenvolvida para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal, conduzido pelo Ibama, das atividades da Petrobras de produção e escoamento de petróleo e gás natural na Bacia de Santos.

Tem como objetivo avaliar possíveis impactos das atividades de produção e escoamento de petróleo sobre as aves, tartarugas e mamíferos marinhos, através do monitoramento das praias e atendimento veterinário aos animais vivos e necropsia dos encontrados mortos.

O PMP-BS é realizado desde Laguna (SC) até Saquarema (RJ), sendo dividido em 15 trechos. A Univali monitora o Trecho 4, compreendido entre Barra Velha e Governador Celso Ramos (SC).


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3

Elefante marinho é visto em Balneário Camboriú nesta segunda

Publicidade

Segunda, 13/7/2020 13:15.

Um elefante marinho foi visto em Balneário Camboriú na manhã desta segunda-feira (13), mas há informações de que o animal está na região pelo menos desde domingo (12). Ele será monitorado pela Univali e por veterinários, mas aparentemente está bem de saúde. A expectativa é que ele continue pela região nos próximos dias. O animal é selvagem e pode ser perigoso, por isso o público não deve tentar tocar ou ter qualquer contato físico com ele.

O animal foi filmado por moradores de Balneário e região e estava deitado na areia na Praia do Buraco, onde guardas municipais ambientais e agentes de trânsito isolaram a área, já que populares estavam indo até lá para tentar vê-lo, mas ele já retornou para a água.

Há informações de que o elefante já visitou a Praia Brava e também o Pontal Norte de Balneário, na praia central. Ele aparentemente está descansando e parece estar bem de saúde, mas há uma linha nas proximidades da boca e do nariz dele. A Univali e veterinários estão monitorando e pretendem atendê-lo para verificar como ele está e tentar retirar a linha.

Univali monitora elefante

A Univali, por meio do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS), recebeu a ocorrência de um elefante marinho vivo na Praia do Buraco, em Balneário Camboriú (SC), na manhã desta segunda-feira (13).

A equipe técnica está no local para realizar a avaliação do animal, que é um macho sub-adulto. Mais informações serão repassadas após o atendimento veterinário.

O elefante marinho faz parte da superfamília dos Pinípedes, espécies que migram anualmente para a costa brasileira. Os Pinípedes habitam tanto o ambiente marinho como costeiro, por isso muitas vezes são avistados descansando no costão rochoso ou na faixa de areia.

Essa pausa para descanso é saudável, normal e deve ser estimulada. Por isso é importante manter pessoas e animais domésticos distantes do animal, que pode ser agressivo quando há interação humana.

Respeitar o isolamento e manter a distância é fundamental para não estressar o animal. A interferência negativa pode impactar o comportamento natural da espécie e causar queda na imunidade.

➡️ O PMP-BS é uma atividade desenvolvida para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal, conduzido pelo Ibama, das atividades da Petrobras de produção e escoamento de petróleo e gás natural na Bacia de Santos.

Tem como objetivo avaliar possíveis impactos das atividades de produção e escoamento de petróleo sobre as aves, tartarugas e mamíferos marinhos, através do monitoramento das praias e atendimento veterinário aos animais vivos e necropsia dos encontrados mortos.

O PMP-BS é realizado desde Laguna (SC) até Saquarema (RJ), sendo dividido em 15 trechos. A Univali monitora o Trecho 4, compreendido entre Barra Velha e Governador Celso Ramos (SC).


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade