Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Geral
Selo Social certificou 35 organizações em Balneário Camboriú e Camboriú

Foram 83 projetos de combate à pandemia e 453 mil atendimentos

Segunda, 7/12/2020 16:06.
Divulgação

Publicidade

A tecnologia do Selo Social, que estimula organizações, qualifica projetos e mensura ações com impactos que melhoram a vida das comunidades locais e colaboram para atingir os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU, divulgou o balanço dos resultados dos projetos desenvolvidos em Balneário Camboriú e Camboriú, na edição especial 2020 de combate aos problemas sociais causados ou potencializados pela pandemia no país. Ao todo, foram realizados mais de 453 mil atendimentos nos 83 projetos realizados por 35 organizações participantes.

Entre as ações de impacto social, estão desde a doação de cestas básicas, agasalhos, materiais de higiene e limpeza, a ações voltadas para migrantes e refugiados e até a disponibilização gratuita de leitos de hotel para profissionais da saúde poderem descansar e proteger os familiares de possível contaminação, aumentando a segurança sanitária e qualidade de vida de quem está na linha de frente do combate à Covid-19.

“Tivemos ações incríveis que atuaram com foco no combate à fome, em atenção aos mais vulneráveis e também às equipes de saúde e que fizeram a diferença para muita gente em um ano difícil de crise por conta da pandemia”, disse a presidente do Selo Social, Carina Giunco. Outro destaque citado por ela, é a participação ativa do Selo Social no Comitê do Movimento ODS de Balneário Camboriú que permite o fortalecimento das ações locais para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

Em Camboriú, esta foi a sexta edição do Selo Social que contou com a articulação da Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico, Fundação de Meio Ambiente de Camboriú e Instituto Federal Catarinense - Campus Camboriú.

Em Balneário, as articulações ficaram a cargo da prefeitura e Associação Empresarial de Balneário Camboriú e Camboriú – Acibalc nesta que foi a quinta edição do Selo Social.

O objetivo do Selo Social é criar nas cidades uma rede que integre o poder público, setor privado e organizações do terceiro setor para estimular o desenvolvimento de projetos sociais, os qualificando por meio de encontros de formação que ensinam as entidades participantes desde a elaboração de projetos até a mensuração e apresentação de relatórios dos resultados recebendo também assessoria individual. Finalizado o ciclo, que dura quase um ano, os participantes são certificados com o Selo Social, que reconhece publicamente ações de impacto social e melhoria da realidade local promovidas por empresas, poder público e ONG´s. Toda a formação e assessoria é feita gratuitamente, sem custos para o governo local e organizações graças ao apoio de empresas privadas que patrocinam o ciclo.

“Todos nos reinventamos neste ano. Nossas formações e mentorias foram 100% online. Quando muitos desistiram porque viram na pandemia um impeditivo, outros muitos viram a necessidade ainda maior de manter e até ampliar seus projetos. E a iniciativa privada foi também essencial porque manteve seus investimentos sociais para que tudo pudesse acontecer”, contou Carina.

Em BC e em Camboriú, as empresas que custearam a implantação e realização dos projetos de desenvolvimento social foram Centro Universitário Avantis – Uniavan, Alcon, Credifoz, Embraed, Conjel Contabilidade, Barbieri Litoral e a Rede Salesiana Brasil, como patrocinadora nacional do Selo Social.

Confira neste link, a descrição dos projetos realizados em 2020 e todos os seus impactos:

Camboriú - clique aqui

Balneário Camboriú - clique aqui

Os certificados 2020

Em Balneário Camboriú

  1. Academia Wave
  2. Associação Beneficente Cristã Real Esperança
  3. Associação Empresarial de Balneário Camboriú e Camboriú - Acibalc
  4. Associação Luz do Amanhã
  5. Barbieri Litoral Produções
  6. Câmara de Dirigentes Lojistas de Balneário Camboriú
  7. Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú
  8. Centro de Solidariedade FACDD
  9. Credifoz
  10. Eco Litoral Soluções e Serviços EIRELI
  11. EMASA
  12. Embraed / Instituto Rogério Rosa
  13. Fundação Cultural de Balneário Camboriú
  14. Fundação Universidade do Vale do Itajaí
  15. Grupo Fraternal Ramatis
  16. Instituto Anjos Sem Asas
  17. JLSB Empreendimentos
  18. Pires Hoteis e Turismo Ltda.
  19. Secretaria da Pessoa Idosa
  20. Supermercados Meschke
  21. Unimed Litoral Cooperativa de Trabalho Médico Ltda

Em Camboriú

  1. Abut Monte Alegre PCE
  2. ADAD - Adolescentes Que Amam A Deus
  3. Águas de Camboriú Saneamento SPE S.A
  4. Arte que Denúncia Combate e Previne
  5. Centro de Referência de Assistência Social
  6. Centro de Referência Especializado de Assistência Social - CREAS
  7. Escola Básica Municipal Profª. Ivone Teresinha Garcia
  8. Fundação do Meio Ambiente de Camboriú
  9. Fundação Universidade do Vale do Itajaí
  10. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Catarinense - IFC
  11. LDM Tecnologia da INformação
  12. Lions Clube Camboriu
  13. Pet da Jake
  14. Recicladora Schneider Eireli

fonte: Huna Comunicação


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação

Selo Social certificou 35 organizações em Balneário Camboriú e Camboriú

Foram 83 projetos de combate à pandemia e 453 mil atendimentos

Segunda, 7/12/2020 16:06.

A tecnologia do Selo Social, que estimula organizações, qualifica projetos e mensura ações com impactos que melhoram a vida das comunidades locais e colaboram para atingir os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU, divulgou o balanço dos resultados dos projetos desenvolvidos em Balneário Camboriú e Camboriú, na edição especial 2020 de combate aos problemas sociais causados ou potencializados pela pandemia no país. Ao todo, foram realizados mais de 453 mil atendimentos nos 83 projetos realizados por 35 organizações participantes.

Entre as ações de impacto social, estão desde a doação de cestas básicas, agasalhos, materiais de higiene e limpeza, a ações voltadas para migrantes e refugiados e até a disponibilização gratuita de leitos de hotel para profissionais da saúde poderem descansar e proteger os familiares de possível contaminação, aumentando a segurança sanitária e qualidade de vida de quem está na linha de frente do combate à Covid-19.

“Tivemos ações incríveis que atuaram com foco no combate à fome, em atenção aos mais vulneráveis e também às equipes de saúde e que fizeram a diferença para muita gente em um ano difícil de crise por conta da pandemia”, disse a presidente do Selo Social, Carina Giunco. Outro destaque citado por ela, é a participação ativa do Selo Social no Comitê do Movimento ODS de Balneário Camboriú que permite o fortalecimento das ações locais para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

Em Camboriú, esta foi a sexta edição do Selo Social que contou com a articulação da Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico, Fundação de Meio Ambiente de Camboriú e Instituto Federal Catarinense - Campus Camboriú.

Em Balneário, as articulações ficaram a cargo da prefeitura e Associação Empresarial de Balneário Camboriú e Camboriú – Acibalc nesta que foi a quinta edição do Selo Social.

O objetivo do Selo Social é criar nas cidades uma rede que integre o poder público, setor privado e organizações do terceiro setor para estimular o desenvolvimento de projetos sociais, os qualificando por meio de encontros de formação que ensinam as entidades participantes desde a elaboração de projetos até a mensuração e apresentação de relatórios dos resultados recebendo também assessoria individual. Finalizado o ciclo, que dura quase um ano, os participantes são certificados com o Selo Social, que reconhece publicamente ações de impacto social e melhoria da realidade local promovidas por empresas, poder público e ONG´s. Toda a formação e assessoria é feita gratuitamente, sem custos para o governo local e organizações graças ao apoio de empresas privadas que patrocinam o ciclo.

“Todos nos reinventamos neste ano. Nossas formações e mentorias foram 100% online. Quando muitos desistiram porque viram na pandemia um impeditivo, outros muitos viram a necessidade ainda maior de manter e até ampliar seus projetos. E a iniciativa privada foi também essencial porque manteve seus investimentos sociais para que tudo pudesse acontecer”, contou Carina.

Em BC e em Camboriú, as empresas que custearam a implantação e realização dos projetos de desenvolvimento social foram Centro Universitário Avantis – Uniavan, Alcon, Credifoz, Embraed, Conjel Contabilidade, Barbieri Litoral e a Rede Salesiana Brasil, como patrocinadora nacional do Selo Social.

Confira neste link, a descrição dos projetos realizados em 2020 e todos os seus impactos:

Camboriú - clique aqui

Balneário Camboriú - clique aqui

Os certificados 2020

Em Balneário Camboriú

  1. Academia Wave
  2. Associação Beneficente Cristã Real Esperança
  3. Associação Empresarial de Balneário Camboriú e Camboriú - Acibalc
  4. Associação Luz do Amanhã
  5. Barbieri Litoral Produções
  6. Câmara de Dirigentes Lojistas de Balneário Camboriú
  7. Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú
  8. Centro de Solidariedade FACDD
  9. Credifoz
  10. Eco Litoral Soluções e Serviços EIRELI
  11. EMASA
  12. Embraed / Instituto Rogério Rosa
  13. Fundação Cultural de Balneário Camboriú
  14. Fundação Universidade do Vale do Itajaí
  15. Grupo Fraternal Ramatis
  16. Instituto Anjos Sem Asas
  17. JLSB Empreendimentos
  18. Pires Hoteis e Turismo Ltda.
  19. Secretaria da Pessoa Idosa
  20. Supermercados Meschke
  21. Unimed Litoral Cooperativa de Trabalho Médico Ltda

Em Camboriú

  1. Abut Monte Alegre PCE
  2. ADAD - Adolescentes Que Amam A Deus
  3. Águas de Camboriú Saneamento SPE S.A
  4. Arte que Denúncia Combate e Previne
  5. Centro de Referência de Assistência Social
  6. Centro de Referência Especializado de Assistência Social - CREAS
  7. Escola Básica Municipal Profª. Ivone Teresinha Garcia
  8. Fundação do Meio Ambiente de Camboriú
  9. Fundação Universidade do Vale do Itajaí
  10. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Catarinense - IFC
  11. LDM Tecnologia da INformação
  12. Lions Clube Camboriu
  13. Pet da Jake
  14. Recicladora Schneider Eireli

fonte: Huna Comunicação


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade