Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Geral
Moradora da Barra denuncia água turva, EMASA irá verificar

Segunda, 10/8/2020 12:47.
Divulgação

Publicidade

A leitora e moradora do Bairro da Barra, Juliana Petersen Alves Viana procurou o Página 3, nesta segunda-feira (10) para fazer um registro: pelo menos uma vez por semana a água em sua casa chega turva, escura. Ela mora há seis meses na Rua Edson Linhares Cruz. A Emasa informou que uma equipe irá no local para verificar o problema.

Juliana disse que o problema acontece principalmente em época de estiagem.

“É no período da manhã que eu notei mais, principalmente quando vou lavar roupa, até já mancharam. Encho o balde e fica aquela água amarela e não pode acontecer. A gente paga pelo serviço, não é um favor, e não temos condições de ficar comprando água”, disse.

Segundo a leitora, durante a tarde melhora, mas para cozinhar ela precisa ferver toda água que for utilizar.

“Hoje (segunda-feira, 10) estava assim. De manhã, esquece. É complicado, pra lavar roupa, fazer comida. Vi outras pessoas falando sobre também. Eu fiquei alguns meses nessa situação e não falei nada, mas não pode ocorrer. Tem que ter serviço de qualidade, não pode ser algo normal, pode até causar doenças”, acrescenta.

Emasa vai verificar a situação

Através da assessoria de comunicação, a Emasa informou que não há registro de problemas gerais desse tipo, e que a situação deve ser pontual. Uma equipe irá até a casa de Juliana para verificar e tentar resolver a questão. A leitora apontou que em tempos de estiagem a água fica ainda mais turva, mas a Emasa informa que não há relação, pois se tivesse seria o contrário. “Quanto maior a estiagem, menor a turbidez”, informaram.

Em casos de água turva, vazamento, ou situações do tipo a Emasa pede que o consumidor acione o serviço pelos Canais de Atendimento, e assim ficam cientes do caso e o resolvem. Dúvidas, informações e reclamações podem ser questionadas pelos Canais de Atendimento – SAC: 0800 643-6272; Fala EMASA - Whatsapp: (47) 3261-0000; ou e-mail: [email protected]


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação

Moradora da Barra denuncia água turva, EMASA irá verificar

Publicidade

Segunda, 10/8/2020 12:47.

A leitora e moradora do Bairro da Barra, Juliana Petersen Alves Viana procurou o Página 3, nesta segunda-feira (10) para fazer um registro: pelo menos uma vez por semana a água em sua casa chega turva, escura. Ela mora há seis meses na Rua Edson Linhares Cruz. A Emasa informou que uma equipe irá no local para verificar o problema.

Juliana disse que o problema acontece principalmente em época de estiagem.

“É no período da manhã que eu notei mais, principalmente quando vou lavar roupa, até já mancharam. Encho o balde e fica aquela água amarela e não pode acontecer. A gente paga pelo serviço, não é um favor, e não temos condições de ficar comprando água”, disse.

Segundo a leitora, durante a tarde melhora, mas para cozinhar ela precisa ferver toda água que for utilizar.

“Hoje (segunda-feira, 10) estava assim. De manhã, esquece. É complicado, pra lavar roupa, fazer comida. Vi outras pessoas falando sobre também. Eu fiquei alguns meses nessa situação e não falei nada, mas não pode ocorrer. Tem que ter serviço de qualidade, não pode ser algo normal, pode até causar doenças”, acrescenta.

Emasa vai verificar a situação

Através da assessoria de comunicação, a Emasa informou que não há registro de problemas gerais desse tipo, e que a situação deve ser pontual. Uma equipe irá até a casa de Juliana para verificar e tentar resolver a questão. A leitora apontou que em tempos de estiagem a água fica ainda mais turva, mas a Emasa informa que não há relação, pois se tivesse seria o contrário. “Quanto maior a estiagem, menor a turbidez”, informaram.

Em casos de água turva, vazamento, ou situações do tipo a Emasa pede que o consumidor acione o serviço pelos Canais de Atendimento, e assim ficam cientes do caso e o resolvem. Dúvidas, informações e reclamações podem ser questionadas pelos Canais de Atendimento – SAC: 0800 643-6272; Fala EMASA - Whatsapp: (47) 3261-0000; ou e-mail: [email protected]


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade