Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Geral
Feriado de Tiradentes também é o Dia das Polícias

Comandante da PM de Balneário Camboriú e delegado regional falam sobre a data

Segunda, 20/4/2020 17:47.
O Comandante Coelho e o Delegado Fábio Osório

Publicidade

Nesta terça-feira (21) é comemorado o Dia de Tiradentes, uma homenagem a Joaquim José da Silva Xavier, mártir da Inconfidência Mineira e um dos principais defensores da Independência do Brasil. Tiradentes era militar, e por isso neste dia é celebrado também o Dia das Polícias Militar e Civil.

Para lembrar a data, o Página 3 conversou com o Comandante do 12º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Balneário Camboriú, Alexandre Coelho, e também com o delegado regional de Balneário, Fábio Moreira Osório. Acompanhe:

Tenente-coronel Alexandre Coelho Vieira, comandante do 12º BPM de Balneário Camboriú

“O dia 21 de abril é o dia de homenagem ao Alferes Tiradentes, Militar que participou da luta pela independência do Brasil. Em conjunto, comemoramos e homenageamos todos os policiais. Profissão que se compara a um sacerdócio, pois vai muito além de uma prestação de serviço, mas sim uma doação à sociedade, como diz nosso juramento perante a Bandeira do Brasil: ‘mesmo com o risco da própria vida’. O policial é a última fronteira entre o bem e o mal, somos os garantidores da ordem pública e a linha de frente da sociedade para que todos os demais façam uma nação forte. Nesses dias de pandemia os policiais militares, junto com outras profissões estão trabalhando ainda mais, para que a sociedade se sinta protegida. Estamos colocando nossa saúde e vida em risco para o bem da comunidade. Fazemos isso com orgulho e sentimento de dever. Até agora e nos dias que virão nossos policiais militares estão sendo exigidos ainda mais, muitas decisões e ações difíceis que em muitas ocasiões não são entendidas, mas são necessárias no combate a pandemia. Estou Comandante do 12º BPM há um ano e três meses, tem sido muito gratificante e desafiador cada dia de trabalho. O trabalho em equipe é o meu ‘norte’ e minha certeza de que estou no caminho certo”.

Fábio Moreira Osório, delegado regional da Polícia Civil de Balneário Camboriú

“Sem dúvida é muito importante celebrarmos essa data, principalmente no momento pelo qual passamos. Essa pandemia trouxe à tona a essencialidade do nosso serviço. A Polícia Civil tem a atribuição constitucional de investigar infrações penais, tais como homicídios, estupros, violência doméstica, roubos, e neste momento pelo qual passamos, além dessa nossa atividade investigativa, também estamos fazendo serviços de polícia administrativa. Estamos fiscalizando o cumprimento do decreto do governador, das normativas municipais. A Polícia Civil conta, na região, com aproximadamente 180 policiais civis, divididos nos municípios de Balneário Camboriú, Camboriú, Itapema, Porto Belo, Tijucas, Bombinhas e Canelinha. Em 2019 conseguimos reformar e ampliar a estrutura da Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI) de Balneário Camboriú, inclusive aumentamos o efetivo de delegados naquela unidade. Atualmente contamos com dois delegados exercendo as suas funções na DPCAMI, a dra. Inara e a dra. Ruth. Ainda através de TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) firmado na 5ª Promotoria, onde atua o dr. Isaac, nós conseguimos adquirir softwares voltados à investigação policial, viaturas e firmar um novo TAC através do qual construiremos uma nova central de plantão policial na comarca de Balneário Camboriú. Uma estrutura moderna, ambientalmente sustentável, para qual foram destinados mais de R$ 2 milhões. É um privilégio exercer a função de delegado regional de polícia aqui em Balneário Camboriú e representar os nossos abnegados e comprometidos policiais civis. Nesse dia alusivo à polícia deixo registrado o meu agradecimento, não só aos colegas com os quais trabalho na Polícia Civil, mas também aos integrantes das demais instituições, pois essa integração entre as forças policiais, Polícia Civil, Polícia Militar, Guarda Municipal, Agentes de Trânsito, Bombeiros, o Instituto Geral de Perícias (IGP) e a sociedade civil organizada sem dúvida é extremamente importante para que consigamos combater a criminalidade, melhorando assim a qualidade de vida da nossa população”.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
O Comandante Coelho e o Delegado Fábio Osório
O Comandante Coelho e o Delegado Fábio Osório

Feriado de Tiradentes também é o Dia das Polícias

Comandante da PM de Balneário Camboriú e delegado regional falam sobre a data

Publicidade

Segunda, 20/4/2020 17:47.

Nesta terça-feira (21) é comemorado o Dia de Tiradentes, uma homenagem a Joaquim José da Silva Xavier, mártir da Inconfidência Mineira e um dos principais defensores da Independência do Brasil. Tiradentes era militar, e por isso neste dia é celebrado também o Dia das Polícias Militar e Civil.

Para lembrar a data, o Página 3 conversou com o Comandante do 12º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Balneário Camboriú, Alexandre Coelho, e também com o delegado regional de Balneário, Fábio Moreira Osório. Acompanhe:

Tenente-coronel Alexandre Coelho Vieira, comandante do 12º BPM de Balneário Camboriú

“O dia 21 de abril é o dia de homenagem ao Alferes Tiradentes, Militar que participou da luta pela independência do Brasil. Em conjunto, comemoramos e homenageamos todos os policiais. Profissão que se compara a um sacerdócio, pois vai muito além de uma prestação de serviço, mas sim uma doação à sociedade, como diz nosso juramento perante a Bandeira do Brasil: ‘mesmo com o risco da própria vida’. O policial é a última fronteira entre o bem e o mal, somos os garantidores da ordem pública e a linha de frente da sociedade para que todos os demais façam uma nação forte. Nesses dias de pandemia os policiais militares, junto com outras profissões estão trabalhando ainda mais, para que a sociedade se sinta protegida. Estamos colocando nossa saúde e vida em risco para o bem da comunidade. Fazemos isso com orgulho e sentimento de dever. Até agora e nos dias que virão nossos policiais militares estão sendo exigidos ainda mais, muitas decisões e ações difíceis que em muitas ocasiões não são entendidas, mas são necessárias no combate a pandemia. Estou Comandante do 12º BPM há um ano e três meses, tem sido muito gratificante e desafiador cada dia de trabalho. O trabalho em equipe é o meu ‘norte’ e minha certeza de que estou no caminho certo”.

Fábio Moreira Osório, delegado regional da Polícia Civil de Balneário Camboriú

“Sem dúvida é muito importante celebrarmos essa data, principalmente no momento pelo qual passamos. Essa pandemia trouxe à tona a essencialidade do nosso serviço. A Polícia Civil tem a atribuição constitucional de investigar infrações penais, tais como homicídios, estupros, violência doméstica, roubos, e neste momento pelo qual passamos, além dessa nossa atividade investigativa, também estamos fazendo serviços de polícia administrativa. Estamos fiscalizando o cumprimento do decreto do governador, das normativas municipais. A Polícia Civil conta, na região, com aproximadamente 180 policiais civis, divididos nos municípios de Balneário Camboriú, Camboriú, Itapema, Porto Belo, Tijucas, Bombinhas e Canelinha. Em 2019 conseguimos reformar e ampliar a estrutura da Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI) de Balneário Camboriú, inclusive aumentamos o efetivo de delegados naquela unidade. Atualmente contamos com dois delegados exercendo as suas funções na DPCAMI, a dra. Inara e a dra. Ruth. Ainda através de TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) firmado na 5ª Promotoria, onde atua o dr. Isaac, nós conseguimos adquirir softwares voltados à investigação policial, viaturas e firmar um novo TAC através do qual construiremos uma nova central de plantão policial na comarca de Balneário Camboriú. Uma estrutura moderna, ambientalmente sustentável, para qual foram destinados mais de R$ 2 milhões. É um privilégio exercer a função de delegado regional de polícia aqui em Balneário Camboriú e representar os nossos abnegados e comprometidos policiais civis. Nesse dia alusivo à polícia deixo registrado o meu agradecimento, não só aos colegas com os quais trabalho na Polícia Civil, mas também aos integrantes das demais instituições, pois essa integração entre as forças policiais, Polícia Civil, Polícia Militar, Guarda Municipal, Agentes de Trânsito, Bombeiros, o Instituto Geral de Perícias (IGP) e a sociedade civil organizada sem dúvida é extremamente importante para que consigamos combater a criminalidade, melhorando assim a qualidade de vida da nossa população”.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade