Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Geral
Ajude: Anjos Sem Asas, aulas de boxe em parceria com a PM, arrecada alimentos para famílias do projeto

Sexta, 10/4/2020 15:08.
Divulgação

Publicidade

O projeto Anjos Sem Asas, que oferece aulas de boxe para aproximadamente 150 crianças em parceria com o 12º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Balneário Camboriú – onde acontece a oficina, está arrecadando alimentos para serem doados para as famílias dos alunos neste domingo (12).

Um dos organizadores, João Baptista de Oliveira Peters Junior, o João Jota, ex-conselheiro tutelar, procurou o Página 3 para pedir ajuda na divulgação da ação. Ele explica que esta é a segunda campanha que estão fazendo durante a quarentena.

“A maioria das famílias são autônomas e precisam dessa ajuda. Estamos pedindo doações de alimentos (pode ser avulso ou cesta básica) ou pode ser também doação em valor. Estamos indo buscar no local que for preciso. Hoje temos mais de 150 alunos, todos de Balneário Camboriú, e queremos montar 300 cestas”, diz.

Quem quiser ajudar, pode entrar em contato com João (WhatsApp – (47) 99991-7282) até domingo, dia em que vão fazer as entregas dos alimentos.

“Levamos as cestas até as casas das famílias e estamos tendo todo o cuidado, utilizando máscaras e luvas”, completa.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Divulgação

Ajude: Anjos Sem Asas, aulas de boxe em parceria com a PM, arrecada alimentos para famílias do projeto

Publicidade

Sexta, 10/4/2020 15:08.

O projeto Anjos Sem Asas, que oferece aulas de boxe para aproximadamente 150 crianças em parceria com o 12º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Balneário Camboriú – onde acontece a oficina, está arrecadando alimentos para serem doados para as famílias dos alunos neste domingo (12).

Um dos organizadores, João Baptista de Oliveira Peters Junior, o João Jota, ex-conselheiro tutelar, procurou o Página 3 para pedir ajuda na divulgação da ação. Ele explica que esta é a segunda campanha que estão fazendo durante a quarentena.

“A maioria das famílias são autônomas e precisam dessa ajuda. Estamos pedindo doações de alimentos (pode ser avulso ou cesta básica) ou pode ser também doação em valor. Estamos indo buscar no local que for preciso. Hoje temos mais de 150 alunos, todos de Balneário Camboriú, e queremos montar 300 cestas”, diz.

Quem quiser ajudar, pode entrar em contato com João (WhatsApp – (47) 99991-7282) até domingo, dia em que vão fazer as entregas dos alimentos.

“Levamos as cestas até as casas das famílias e estamos tendo todo o cuidado, utilizando máscaras e luvas”, completa.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade