Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Tubarão de dois metros aparece em Itapema
Divulgação

Quarta, 5/6/2019 9:05.

Um tubarão de aproximadamente dois metros foi ‘rebocado’ pelos bombeiros na noite de ontem (4), em Itapema. O animal marinho, um cação, estava na areia, com dificuldades para retornar ao fundo do mar.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o resgate aconteceu poucos minutos antes das 22h. Populares chamaram os bombeiros porque viram o animal, de grande porte e seria perigoso auxiliá-lo sem o apoio de embarcação.

Com um jet ski, os bombeiros conseguiram ‘rebocá-lo’ até uma área mais funda, onde ele foi liberado.

O Tenente BM Rafael Giosa Sanino explica que o animal é um cação e não oferece riscos para a população.

Embora os ataques sejam muito raros, tubarões são comuns na costa catarinense. Já houve outros casos de aparecimentos de tubarões na região, inclusive um tubarão anequim apareceu na Praia Central de Balneário Camboriú em março do ano passado, e em 2016 um banhista foi mordido por um tubarão da espécie conhecida como mangona, ameaçado de extinção e que vive em águas rasas, também em Balneário.


Atualizado: Tubarão que foi resgatado por bombeiros em Itapema morreu

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Tubarão de dois metros aparece em Itapema

Divulgação

Publicidade

Quarta, 5/6/2019 9:05.

Um tubarão de aproximadamente dois metros foi ‘rebocado’ pelos bombeiros na noite de ontem (4), em Itapema. O animal marinho, um cação, estava na areia, com dificuldades para retornar ao fundo do mar.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o resgate aconteceu poucos minutos antes das 22h. Populares chamaram os bombeiros porque viram o animal, de grande porte e seria perigoso auxiliá-lo sem o apoio de embarcação.

Com um jet ski, os bombeiros conseguiram ‘rebocá-lo’ até uma área mais funda, onde ele foi liberado.

O Tenente BM Rafael Giosa Sanino explica que o animal é um cação e não oferece riscos para a população.

Embora os ataques sejam muito raros, tubarões são comuns na costa catarinense. Já houve outros casos de aparecimentos de tubarões na região, inclusive um tubarão anequim apareceu na Praia Central de Balneário Camboriú em março do ano passado, e em 2016 um banhista foi mordido por um tubarão da espécie conhecida como mangona, ameaçado de extinção e que vive em águas rasas, também em Balneário.


Atualizado: Tubarão que foi resgatado por bombeiros em Itapema morreu

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade