Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Geral
Bazar Solidário neste sábado, em Balneário Camboriú

Terça, 4/9/2018 11:14.

Publicidade

O Grupo Solidariedade e Amor, criado há mais de um ano, no Bairro das Nações, para ajudar famílias e instituições, realiza o Bazar Solidário, no sábado (8), das 9 às 12 horas, na avenida Palestina esquina com a Rua México, em frente à Pizzaria Romana.

Uma vez por mês acontece um bazar, onde são vendidas as doações, que podem ser roupas, calçados, bolsas, artigos de decoração, utensílios domésticos, brinquedos ec. A arrecadação deste será para preparar a festa das crianças carentes, em outubro, na Casa X.

Juliana Ferreira de Deus, responsável pelo grupo de voluntários, disse que o dinheiro arrecadado no bazar será utilizado para comprar comida, bebida e brinquedos para a festa das crianças. Em outras ocasiões, o dinheiro é investido na compra de cestas básicas para famílias ou instituições carentes.

“O bazar é nossa principal fonte de capital para seguir com o trabalho, é a maneira que o grupo encontrou para ajudar as pessoas”, contou Juliana.

No ano passado o grupo realizou uma festa para as crianças da Apae, uma festa de Natal no Abrigo Cantinho da Alegria, de Itapema, que atende crianças vítimas de diversas formas de abuso, realizou campanha para ajudar desabrigados de enchente, entre outros.

Informações: 99607-3741


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3

Bazar Solidário neste sábado, em Balneário Camboriú

Publicidade

Terça, 4/9/2018 11:14.

O Grupo Solidariedade e Amor, criado há mais de um ano, no Bairro das Nações, para ajudar famílias e instituições, realiza o Bazar Solidário, no sábado (8), das 9 às 12 horas, na avenida Palestina esquina com a Rua México, em frente à Pizzaria Romana.

Uma vez por mês acontece um bazar, onde são vendidas as doações, que podem ser roupas, calçados, bolsas, artigos de decoração, utensílios domésticos, brinquedos ec. A arrecadação deste será para preparar a festa das crianças carentes, em outubro, na Casa X.

Juliana Ferreira de Deus, responsável pelo grupo de voluntários, disse que o dinheiro arrecadado no bazar será utilizado para comprar comida, bebida e brinquedos para a festa das crianças. Em outras ocasiões, o dinheiro é investido na compra de cestas básicas para famílias ou instituições carentes.

“O bazar é nossa principal fonte de capital para seguir com o trabalho, é a maneira que o grupo encontrou para ajudar as pessoas”, contou Juliana.

No ano passado o grupo realizou uma festa para as crianças da Apae, uma festa de Natal no Abrigo Cantinho da Alegria, de Itapema, que atende crianças vítimas de diversas formas de abuso, realizou campanha para ajudar desabrigados de enchente, entre outros.

Informações: 99607-3741


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade