Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

De olho em possível IPO, dona da Sadia compra empresa na Turquia
Divulgação.
Negócio visa fornece para o mercado muçulmano.

Terça, 10/1/2017 5:54.

(FOLHAPRESS) - A BRF, dona das marcas Sadia e Perdigão, anunciou nesta segunda (9) o início de suas operações na Turquia com a compra da maior produtora de aves do país, a Banvit.

Para a companhia brasileira, é uma forma de expandir as vendas da OneFoods, subsidiária dedicada ao mercado halal, de alimentos para o público muçulmano. A Turquia é o maior consumidor do mundo de frango halal.

A BRF estuda abrir o capital da OneFoods, informou recentemente a Reuters. Segundo a agência, a companhia acredita que pode levantar US$ 1,5 bilhão com a oferta de 20% das ações da unidade.

A subsidiária, cuja sede é em Dubai, tem hoje cerca de 45% de participação nos mercados de venda de frango na Arábia Saudita, nos Emirados Árabes Unidos, no Kuwait, no Qatar e em Omã, de acordo com a BRF.

A compra da empresa turca, avaliada em US$ 470 milhões, foi feita em parceria com o fundo soberano do Qatar. A BRF terá 60% do negócio. 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

De olho em possível IPO, dona da Sadia compra empresa na Turquia

Divulgação.
Negócio visa fornece para o mercado muçulmano.
Negócio visa fornece para o mercado muçulmano.
Terça, 10/1/2017 5:54.

(FOLHAPRESS) - A BRF, dona das marcas Sadia e Perdigão, anunciou nesta segunda (9) o início de suas operações na Turquia com a compra da maior produtora de aves do país, a Banvit.

Para a companhia brasileira, é uma forma de expandir as vendas da OneFoods, subsidiária dedicada ao mercado halal, de alimentos para o público muçulmano. A Turquia é o maior consumidor do mundo de frango halal.

A BRF estuda abrir o capital da OneFoods, informou recentemente a Reuters. Segundo a agência, a companhia acredita que pode levantar US$ 1,5 bilhão com a oferta de 20% das ações da unidade.

A subsidiária, cuja sede é em Dubai, tem hoje cerca de 45% de participação nos mercados de venda de frango na Arábia Saudita, nos Emirados Árabes Unidos, no Kuwait, no Qatar e em Omã, de acordo com a BRF.

A compra da empresa turca, avaliada em US$ 470 milhões, foi feita em parceria com o fundo soberano do Qatar. A BRF terá 60% do negócio. 

Publicidade

Publicidade