Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Portal da Câmara de Vereadores fora do ar há 10 dias para usuários Net
Reprodução.
Direito dos cidadãos está sendo desrespeitado.

Segunda, 17/10/2016 16:20.

O portal da Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú está há 10 dias inacessível para usuários da operadora Net sem que os técnicos daquela empresa e do legislativo municipal consigam se entender sobre o que está ocorrendo.

Com o problema milhares de usuários ficam sem acesso a direito assegurado em lei, a transparência das atividades legislativas.

A impossibilidade de acesso iniciou quando o sistema da Câmara de Vereadores deixou de funcionar na sexta-feira dia 8.

O Página 3 tentou, mas não obteve respostas esclarecedoras da Net e nem dos técnicos de informática da Câmara de Vereadores. 
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Cidade

Temporada de cruzeiros para nós começará no dia 28 de novembro


Cidade

Medida que “engessa” o governo é cautelar até apresentação de explicações


Educação

Intenção é expandir o sistema no futuro


Policia

Ele disse que foi humilhado e teve os direitos cerceados


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Portal da Câmara de Vereadores fora do ar há 10 dias para usuários Net

Reprodução.
Direito dos cidadãos está sendo desrespeitado.
Direito dos cidadãos está sendo desrespeitado.
Segunda, 17/10/2016 16:20.

O portal da Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú está há 10 dias inacessível para usuários da operadora Net sem que os técnicos daquela empresa e do legislativo municipal consigam se entender sobre o que está ocorrendo.

Com o problema milhares de usuários ficam sem acesso a direito assegurado em lei, a transparência das atividades legislativas.

A impossibilidade de acesso iniciou quando o sistema da Câmara de Vereadores deixou de funcionar na sexta-feira dia 8.

O Página 3 tentou, mas não obteve respostas esclarecedoras da Net e nem dos técnicos de informática da Câmara de Vereadores. 
 

Publicidade

Publicidade