Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Advogados do Página 3 contestam presidente do sindicato dos servidores
Reprodução.
Valdir Lolli, numa publicação do sindicato que fala sobre o assunto.

Sábado, 26/11/2016 14:56.

Os advogados do Jornal Página 3, Christiano Cesário Pereira e Valesca Ferreto Portella, entregaram ontem no Fórum contestação a processo movido pelo presidente do sindicato dos servidores municipais, Valdir Lolli, que se sentiu ofendido com reportagens publicadas pelo jornal a respeito do projeto Moradias do Servidor.

Embora o assunto inicialmente diga respeito a um presidente de sindicato e a uma empresa jornalística, decidimos publicar a defesa formulada pelos advogados do jornal porque o presidente do sindicato, candidato a vereador na última eleição, é uma figura pública, seus atos são do interesse público.

Outros motivos relevantes para que o assunto seja do conhecimento público são que esse debate envolve a tentativa do presidente do sindicato de obter tratamento privilegiado para a ocupação e uso do solo de apenas um terreno, de propriedade de um aliado político e, principalmente, liberdade de expressão, direito de informação e outras garantias constitucionais.

O texto integral, pode ser lido aqui. http://www.pagina3.com.br/PAGINA3/CONTESTACAO25112016.pdf

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Cidade

Exemplo de desrespeito com o dinheiro público espera por climatização, elevadores e divisórias.


Cidade

 Governo do município não tem foco claro sobre o problema


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Advogados do Página 3 contestam presidente do sindicato dos servidores

Reprodução.
Valdir Lolli, numa publicação do sindicato que fala sobre o assunto.
Valdir Lolli, numa publicação do sindicato que fala sobre o assunto.

Publicidade

Sábado, 26/11/2016 14:56.

Os advogados do Jornal Página 3, Christiano Cesário Pereira e Valesca Ferreto Portella, entregaram ontem no Fórum contestação a processo movido pelo presidente do sindicato dos servidores municipais, Valdir Lolli, que se sentiu ofendido com reportagens publicadas pelo jornal a respeito do projeto Moradias do Servidor.

Embora o assunto inicialmente diga respeito a um presidente de sindicato e a uma empresa jornalística, decidimos publicar a defesa formulada pelos advogados do jornal porque o presidente do sindicato, candidato a vereador na última eleição, é uma figura pública, seus atos são do interesse público.

Outros motivos relevantes para que o assunto seja do conhecimento público são que esse debate envolve a tentativa do presidente do sindicato de obter tratamento privilegiado para a ocupação e uso do solo de apenas um terreno, de propriedade de um aliado político e, principalmente, liberdade de expressão, direito de informação e outras garantias constitucionais.

O texto integral, pode ser lido aqui. http://www.pagina3.com.br/PAGINA3/CONTESTACAO25112016.pdf

Publicidade

Publicidade