Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Hoje é comemorado o Dia do Conselheiro Tutelar

Sexta, 18/11/2016 11:41.

Hoje (18) é comemorado o Dia do Conselheiro Tutelar. Em Balneário Camboriú há cinco desses profissionais, que estão terminando o primeiro ano de mandato. Eles foram eleitos pela comunidade e ficarão no cargo por mais três anos.

O presidente do Conselho de Balneário, João Peters Júnior, aproveita a ocasião para parabenizar as colegas, Adriana Danzmann, Huanita Radke, Ângela Crizel e Karin Schwengber. "É um prazer trabalhar com elas, e esperamos continuar atuando em prol da sociedade. A comunidade de Balneário é bastante participativa e nos ajuda muito", diz.

Porém, João lembra que ainda há muitas coisas que precisam melhorar no segmento de atuação do Conselho. "É fundamental que comecem a ser cumpridas as medidas socioeducativas previstas no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) contra os menores infratores. Infelizmente hoje o Estado não tem estrutura para cumpri-lo, por isso o adolescente é detido e logo solto. A lei é linda, mas na prática é bem diferente", informa.

Ele também defende o aumento de número de vagas para as atividades oferecidas pela prefeitura no contraturno e no programa do Jovem Aprendiz, que podem auxiliar no combate aos atos infracionais cometidos pelos menores.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Hoje é comemorado o Dia do Conselheiro Tutelar

Sexta, 18/11/2016 11:41.

Hoje (18) é comemorado o Dia do Conselheiro Tutelar. Em Balneário Camboriú há cinco desses profissionais, que estão terminando o primeiro ano de mandato. Eles foram eleitos pela comunidade e ficarão no cargo por mais três anos.

O presidente do Conselho de Balneário, João Peters Júnior, aproveita a ocasião para parabenizar as colegas, Adriana Danzmann, Huanita Radke, Ângela Crizel e Karin Schwengber. "É um prazer trabalhar com elas, e esperamos continuar atuando em prol da sociedade. A comunidade de Balneário é bastante participativa e nos ajuda muito", diz.

Porém, João lembra que ainda há muitas coisas que precisam melhorar no segmento de atuação do Conselho. "É fundamental que comecem a ser cumpridas as medidas socioeducativas previstas no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) contra os menores infratores. Infelizmente hoje o Estado não tem estrutura para cumpri-lo, por isso o adolescente é detido e logo solto. A lei é linda, mas na prática é bem diferente", informa.

Ele também defende o aumento de número de vagas para as atividades oferecidas pela prefeitura no contraturno e no programa do Jovem Aprendiz, que podem auxiliar no combate aos atos infracionais cometidos pelos menores.

Publicidade

Publicidade