Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Colégio Santa, abandonado pelo prefeito Edson Piriquito
Página 3
Na entrada da escola o cartão de visitas é o desleixo, a falta de conservação.

Segunda, 27/6/2016 11:28.

Prosseguindo com a série de reportagens fotográficas que mostram o estado de abandono a que estão submetidos os prédios e espaços públicos em Balneário Camboriú o foco hoje é no Colégio Santa, talvez o maior da cidade, construído na sua quase totalidade no governo Rubens Spernau e concluído no governo atual.

Em sete anos e meio de governo o prefeito Edson Piriquito não construiu nenhuma escola e poderia ao menos ter conservado as que outros prefeitos construíram.

O abandono com a coisa pública é generalizado, custará caro ao futuro prefeito recuperar o que for necessário. O espantoso é que esse abandono se verifica em locais onde não poderia acontecer, como no Hospital Ruth Cardoso (mostrado na primeira reportagem desta série); postos de saúde e escolas.

 
Placa na entrada da escola, rasgada e desbotada.

 
Paredes do bloco das salas de aula desgastadas. Poderiam ao menos lavar. 

 
Aqui é a portal principal da escola.


Fizeram um reparo e deixaram o entulho jogado num canto. Coisa de gente porca. 

 
Poderiam ao menos passar uma tinta no muro do pátio da escola.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Cidade

Volume de resíduos não é um indicador seguro da quantidade de turistas


Policia

Praça central de Balneário Camboriú é o ponto preferido também de andarilhos e usuários 


Policia

A suspeita é que funcionários dos gabinetes da Alerj devolviam parte dos salários


Política


Publicidade


Publicidade


Cidade

Balneário Camboriú adotará entrega voluntária em ponto da prefeitura  


Divulgação

Excelente opção para os micro empreendedores, pequenas empresas e freelancers.


Geral

Até embarcações de pequeno porte levantam areia, depende das condições 


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Colégio Santa, abandonado pelo prefeito Edson Piriquito

Página 3
Na entrada da escola o cartão de visitas é o desleixo, a falta de conservação.
Na entrada da escola o cartão de visitas é o desleixo, a falta de conservação.
Segunda, 27/6/2016 11:28.

Prosseguindo com a série de reportagens fotográficas que mostram o estado de abandono a que estão submetidos os prédios e espaços públicos em Balneário Camboriú o foco hoje é no Colégio Santa, talvez o maior da cidade, construído na sua quase totalidade no governo Rubens Spernau e concluído no governo atual.

Em sete anos e meio de governo o prefeito Edson Piriquito não construiu nenhuma escola e poderia ao menos ter conservado as que outros prefeitos construíram.

O abandono com a coisa pública é generalizado, custará caro ao futuro prefeito recuperar o que for necessário. O espantoso é que esse abandono se verifica em locais onde não poderia acontecer, como no Hospital Ruth Cardoso (mostrado na primeira reportagem desta série); postos de saúde e escolas.

 
Placa na entrada da escola, rasgada e desbotada.

 
Paredes do bloco das salas de aula desgastadas. Poderiam ao menos lavar. 

 
Aqui é a portal principal da escola.


Fizeram um reparo e deixaram o entulho jogado num canto. Coisa de gente porca. 

 
Poderiam ao menos passar uma tinta no muro do pátio da escola.

Publicidade

Publicidade