Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Paulão, do Resgate Social, foi exonerado
Renata Rutes.
Paulão foi surpreendido com a exoneração.

Sexta, 1/7/2016 11:34.

O diretor do Resgate Social, Paulo Roberto de Souza, foi exonerado na manhã desta sexta-feira (1º). Ele diz estar tranquilo e que não sabe o motivo para isso ter acontecido.

Paulão salientou ao Página 3 que não deixou o cargo e sim foi exonerado. Havia boatos de que ele havia saído por conta própria para correr a vereador, mas ele nega. “Venho há vários meses dizendo que não sou candidato”, destacou

O ex-funcionário comenta que está tranquilo e que na próxima semana irá se apresentar ao governo municipal para assumir o cargo de motorista, no qual ele é concursado. “Ainda não sei o que vou fazer, mas sou grato por ter exercido esse cargo e ter tido a oportunidade de ajudar muitas pessoas. Foram sete anos e meio de muito aprendizado. Nunca tirei um atestado médico ou faltei. Não tenho nada para reclamar”, acrescentou. 

Fontes ligadas ao gabinete do prefeito informaram que a exoneração de Paulão foi preventiva, para ele poder concorrer a vereador se for convencido pelo grupo político.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Paulão, do Resgate Social, foi exonerado

Renata Rutes.
Paulão foi surpreendido com a exoneração.
Paulão foi surpreendido com a exoneração.
Sexta, 1/7/2016 11:34.

O diretor do Resgate Social, Paulo Roberto de Souza, foi exonerado na manhã desta sexta-feira (1º). Ele diz estar tranquilo e que não sabe o motivo para isso ter acontecido.

Paulão salientou ao Página 3 que não deixou o cargo e sim foi exonerado. Havia boatos de que ele havia saído por conta própria para correr a vereador, mas ele nega. “Venho há vários meses dizendo que não sou candidato”, destacou

O ex-funcionário comenta que está tranquilo e que na próxima semana irá se apresentar ao governo municipal para assumir o cargo de motorista, no qual ele é concursado. “Ainda não sei o que vou fazer, mas sou grato por ter exercido esse cargo e ter tido a oportunidade de ajudar muitas pessoas. Foram sete anos e meio de muito aprendizado. Nunca tirei um atestado médico ou faltei. Não tenho nada para reclamar”, acrescentou. 

Fontes ligadas ao gabinete do prefeito informaram que a exoneração de Paulão foi preventiva, para ele poder concorrer a vereador se for convencido pelo grupo político.

 

Publicidade

Publicidade