Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Concentração de andarilhos e situação preocupante na Vila Real

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Divulgação/Página 3

Quarta, 24/2/2016 9:58.

Um morador do Bairro Vila Real denunciou ao Página 3 a ocupação de catadores de materiais recicláveis na Rua Dom Ricardo. Há no local um depósito de reciclagem, que atrai essas pessoas. O problema é que mesmo após o trabalho, elas permanecem por lá.

O leitor explica que o depósito fica na Dom Ricardo esquina com a Dom Felipe. Ele diz que sabe que muitos catadores tiram desse serviço o sustento de suas famílias, porém, há também aqueles que utilizam o dinheiro que ganham para comprar drogas ou bebidas alcoólicas. “Depois eles ficam estirados pelo chão e dormindo em lugares impróprios”, disse. Como pode ser visto na foto, há até quem instale barracas por lá.

Um vizinho do denunciante resolveu ajudar alguns catadores, que agora dormem em frente a um depósito de bobinas de papel. “Só que a noite eles ficam falando alto, discutindo entre si, não deixando os moradores próximos dormirem. Além disso, ainda estamos enfrentando um forte cheiro de urina e outras coisas mais”, relatou.

A situação se repete em outros pontos da mesma rua, como entre Quinta Avenida e Marginal, e redondezas, onde além de beber dia e noite, muitos andarilhos chegam a defecar em frente a casas e estabelecimentos comerciais.

Com razão, o leitor questiona: “Onde estão as autoridades da cidade, prefeito e vereadores desta capital do turismo?”. Segundo ele, a situação se repete ao longo de todos os dias. “Esses pobres catadores e excluídos da sociedade ficam estirados no chão em diversos lugares do nosso esquecido Bairro Vila Real. Para finalizar eu só quero lembrar que este é um ano eleitoral”, comentou.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade