Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Após despedida em Chapecó, corpo de Delfim será velado em Balneário

Sexta, 2/12/2016 8:30.

A Federação Catarinense de Futebol informa que as homenagens fúnebres ao Dr. Delfim Pádua Peixoto Filho serão prestadas no saguão principal da sede da Federação Catarinense de Futebol, em Balneário Camboriú. As homenagens na sede da FCF ainda não têm data e horário confirmados, já que iniciarão somente após o encerramento da programação do velório coletivo na Arena Condá, em Chapecó, onde também serão prestadas homenagens ao Presidente da Entidade. Posteriormente, o corpo será deslocado para Balneário Camboriú, para início das homenagens fúnebres na Casa do Futebol Catarinense, localizada ao lado do parque ecológico, no Bairro dos Municípios.

As homenagens fúnebres ao Presidente da FCF acontecerão em dois períodos na sede da Entidade. As primeiras homenagens serão reservadas aos familiares e amigos próximos, no segundo período será pública, para que os amantes do futebol e admiradores do Presidente Delfim Pádua Peixoto Filho possam expressar seus sentimentos. Conforme a vontade do próprio Delfim Pádua Peixoto Filho, ratificada pela Família Peixoto, após a cerimônia fúnebre, acontecerá a cerimônia religiosa no Crematório Vaticano, em Balneário Camboriú, onde o corpo será cremado.

Ainda não há possibilidade de confirmação da data e do horário da chegada dos corpos em Chapecó. A Chapecoense e a Federação Catarinense de Futebol aguardam a liberação que irá ocorrer após o embalsamamento. O processo de identificação dos corpos já foi finalizado.

Veja a programação:

– Translado dos corpos do Aeroporto Serafim Enoss Bertaso à Arena Condá, conforme apresentado em Simulação nesta quarta-feira(30), pode levar em torno de uma hora e meia;

– Os corpos serão velados na Arena Condá. A primeira hora será reservada aos familiares. Após, o acesso no gramado ficará restrito aos familiares, autoridades e pessoas diretamente ligadas à Chapecoense. Os torcedores vão poder se despedir das vítimas das arquibancadas.

– Estão previstas quatro horas para o velório coletivo. Na sequência, será respeitada a vontade das famílias e parte dos corpos será transladado para outras cidades.

– Dezenove (19) mil pessoas poderão ser acomodadas na Arena, respeitando aos requisitos de segurança. São esperadas cerca de cem (100) mil pessoas para a despedida. Mesmo considerando a rotatividade, um telão será instado na parte externa, em frente ao Clube.

Fonte: Assessoria de Comunicação da FCF

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Cidade

ATUALIZADO às 7h de 15/12/2018.


Cidade

Balneário Camboriú passa a ser a cidade brasileira com mais bandeiras azuis


Justiça

Ele considera ilegal a lei municipal que permitiu o empreendimento 


Rapidinhas


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Após despedida em Chapecó, corpo de Delfim será velado em Balneário

Sexta, 2/12/2016 8:30.

A Federação Catarinense de Futebol informa que as homenagens fúnebres ao Dr. Delfim Pádua Peixoto Filho serão prestadas no saguão principal da sede da Federação Catarinense de Futebol, em Balneário Camboriú. As homenagens na sede da FCF ainda não têm data e horário confirmados, já que iniciarão somente após o encerramento da programação do velório coletivo na Arena Condá, em Chapecó, onde também serão prestadas homenagens ao Presidente da Entidade. Posteriormente, o corpo será deslocado para Balneário Camboriú, para início das homenagens fúnebres na Casa do Futebol Catarinense, localizada ao lado do parque ecológico, no Bairro dos Municípios.

As homenagens fúnebres ao Presidente da FCF acontecerão em dois períodos na sede da Entidade. As primeiras homenagens serão reservadas aos familiares e amigos próximos, no segundo período será pública, para que os amantes do futebol e admiradores do Presidente Delfim Pádua Peixoto Filho possam expressar seus sentimentos. Conforme a vontade do próprio Delfim Pádua Peixoto Filho, ratificada pela Família Peixoto, após a cerimônia fúnebre, acontecerá a cerimônia religiosa no Crematório Vaticano, em Balneário Camboriú, onde o corpo será cremado.

Ainda não há possibilidade de confirmação da data e do horário da chegada dos corpos em Chapecó. A Chapecoense e a Federação Catarinense de Futebol aguardam a liberação que irá ocorrer após o embalsamamento. O processo de identificação dos corpos já foi finalizado.

Veja a programação:

– Translado dos corpos do Aeroporto Serafim Enoss Bertaso à Arena Condá, conforme apresentado em Simulação nesta quarta-feira(30), pode levar em torno de uma hora e meia;

– Os corpos serão velados na Arena Condá. A primeira hora será reservada aos familiares. Após, o acesso no gramado ficará restrito aos familiares, autoridades e pessoas diretamente ligadas à Chapecoense. Os torcedores vão poder se despedir das vítimas das arquibancadas.

– Estão previstas quatro horas para o velório coletivo. Na sequência, será respeitada a vontade das famílias e parte dos corpos será transladado para outras cidades.

– Dezenove (19) mil pessoas poderão ser acomodadas na Arena, respeitando aos requisitos de segurança. São esperadas cerca de cem (100) mil pessoas para a despedida. Mesmo considerando a rotatividade, um telão será instado na parte externa, em frente ao Clube.

Fonte: Assessoria de Comunicação da FCF

Publicidade

Publicidade