Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

BNDES vai lançar 'plano de ação' para pequenas e médias empresas
Reprodução.
Operação começará no primeiro trimestre de 2017.

Terça, 13/12/2016 5:34.

NICOLA PAMPLONA - RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - O BNDES anuncia nesta terça (13) um "plano de ação" para pequenas, micro e médias empresas, com o objetivo de facilitar o acesso aos financiamentos do banco.

Uma das propostas em estudo é criar novos canais de distribuição das linhas de crédito oferecidas pelo banco, para atingir um número maior de empresas.

Sem dar maiores detalhes, a presidente do banco, Maria Silvia Bastos Marques, disse que podem ser novos canais digitais ou físicos, que ampliem o acesso aos produtos do BNDES.

"Estudamos um modelo em que grandes empresas com rede de franqueados possam repassar financiamento tomado junto ao BNDES para seus fornecedores", exemplificou.

O novo modelo será anunciado no primeiro trimestre de 2017.

DIVIDENDOS

O BNDES vai estipular um teto para a distribuição de dividendos das empresas financiadas a juros subsidiados pelo governo.

A presidente do banco afirmou que o limite ficará em 25% do lucro, o piso estabelecido pela legislação, e valerá para empresas que tomarem financiamento em TJLP (Taxa de Juros de Longo Prazo).

"Queremos assegurar que nossos recursos serão usados para investir", disse ela. Caso a empresa financiada queira distribuir um maior volume de dividendos, terá que migrar o financiamento para taxas de mercado. 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

BNDES vai lançar 'plano de ação' para pequenas e médias empresas

Reprodução.
Operação começará no primeiro trimestre de 2017.
Operação começará no primeiro trimestre de 2017.
Terça, 13/12/2016 5:34.

NICOLA PAMPLONA - RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - O BNDES anuncia nesta terça (13) um "plano de ação" para pequenas, micro e médias empresas, com o objetivo de facilitar o acesso aos financiamentos do banco.

Uma das propostas em estudo é criar novos canais de distribuição das linhas de crédito oferecidas pelo banco, para atingir um número maior de empresas.

Sem dar maiores detalhes, a presidente do banco, Maria Silvia Bastos Marques, disse que podem ser novos canais digitais ou físicos, que ampliem o acesso aos produtos do BNDES.

"Estudamos um modelo em que grandes empresas com rede de franqueados possam repassar financiamento tomado junto ao BNDES para seus fornecedores", exemplificou.

O novo modelo será anunciado no primeiro trimestre de 2017.

DIVIDENDOS

O BNDES vai estipular um teto para a distribuição de dividendos das empresas financiadas a juros subsidiados pelo governo.

A presidente do banco afirmou que o limite ficará em 25% do lucro, o piso estabelecido pela legislação, e valerá para empresas que tomarem financiamento em TJLP (Taxa de Juros de Longo Prazo).

"Queremos assegurar que nossos recursos serão usados para investir", disse ela. Caso a empresa financiada queira distribuir um maior volume de dividendos, terá que migrar o financiamento para taxas de mercado. 

Publicidade

Publicidade